31 de ago de 2008

Liturgia Diária!!!

Domingo, dia 31 de Agosto de 2008
XXII Domingo Comum (semana II do saltério)
São Raimundo Nonato, presbítero, +1240



Comentário ao Evangelho do dia feito por
Santo Agostinho : «Renunciar a si mesmo, tomar a própria cruz e seguir a Cristo»

Leituras

Jer. 20,7-9.
Seduziste-me, Senhor, e eu me deixei seduzir! Tu me dominaste e venceste.
Sou objecto de contínua irrisão, e todos escarnecem de mim.
Todas as vezes que falo é para proclamar: «Violência! Opressão!» A palavra
do Senhor tornou-se para mim motivo de insultos e escárnios, dia após dia.
A mim mesmo dizia: «Não pensarei nele mais! Não falarei mais em seu nome!»
Mas, no meu coração, a sua palavra era um fogo devorador, encerrado nos
meus ossos. Esforçava-me por contê-lo, mas não podia.


Salmos 63,2.3-4.5-6.8-9.
Deus, Tu és o meu Deus! Anseio por ti! A minha alma tem sede de ti; todo o
meu ser anela por ti, como terra árida, exausta e sem água.
Quero contemplar-te no santuário, para ver o teu poder e a tua glória.
teu amor vale mais do que a vida; por isso, os meus lábios te hão-de
louvar.
Quero bendizer-te toda a minha vida e em teu louvor levantar as minhas
mãos.
minha alma será saciada com deliciosos manjares, com vozes de júbilo te
louvarei.
porque Tu és o meu auxílio, e à sombra das tuas asas eu exulto.
minha alma está unida a ti, a tua mão direita me sustenta.


Romanos 12,1-2.
Por isso, vos exorto, irmãos, pela misericórdia de Deus, a que ofereçais os
vossos corpos como sacrifício vivo, santo, agradável a Deus. Seja este o
vosso verdadeiro culto, o espiritual.
Não vos acomodeis a este mundo. Pelo contrário, deixai-vos transformar,
adquirindo uma nova mentalidade, para poderdes discernir qual é a vontade
de Deus: o que é bom, o que lhe é agradável, o que é perfeito. Ao serviço
da comunidade


Mateus 16,21-27.
A partir desse momento, Jesus Cristo começou a fazer ver aos seus
discípulos que tinha de ir a Jerusalém e sofrer muito, da parte dos
anciãos, dos sumos sacerdotes e dos doutores da Lei, ser morto e, ao
terceiro dia, ressuscitar.
Tomando-o de parte, Pedro começou a repreendê-lo, dizendo: «Deus te livre,
Senhor! Isso nunca te há-de acontecer!»
Ele, porém, voltando-se, disse a Pedro: «Afasta-te, Satanás! Tu és para mim
um estorvo, porque os teus pensamentos não são os de Deus, mas os dos
homens!»
Jesus disse, então, aos discípulos: «Se alguém quiser vir comigo, renuncie
a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me.
Quem quiser salvar a sua vida, vai perdê-la; mas, quem perder a sua vida
por minha causa, há-de encontrá-la.
Que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro, se perder a sua vida? Ou que
poderá dar o homem em troca da sua vida?
Porque o Filho do Homem há-de vir na glória de seu Pai, com os seus anjos,
e então retribuirá a cada um conforme o seu procedimento.


Da Bíblia Sagrada



Comentário ao Evangelho do dia feito por

Santo Agostinho (354-430), bispo de Hipona (norte de África) e doutor da Igreja
Sermão 96 (§4-9)

«Renunciar a si mesmo, tomar a própria cruz e seguir a Cristo»

Aquilo que o Senhor ordenou – «Se alguém quer vir Comigo, renuncie a si
mesmo» – parece duro e penoso. Mas não é duro nem penoso, quando Aquele que
ordena ajuda a realizar aquilo que ordena. Porque, se é verdadeira a
palavra do salmo que diz: «por causa das palavras dos teus lábios, segui
caminhos difíceis» (Sl 16, 4), também é verdadeira a palavra de Jesus, que
disse: «o Meu jugo é suave e o Meu fardo é leve» (Mt 11, 30). É que o amor
suaviza tudo aquilo que no mandamento é árduo. Sabemos bem de que prodígios
é capaz o amor. Por vezes, o amor é mau aliado, e dissoluto; mas quantas
dificuldades sofrem os homens, que tratamentos indignos e insuportáveis
estão dispostos a aguentar para alcançarem aquilo que amam! [...] Como o
grande negócio da vida há-de ser escolher adequadamente aquilo que se deve
amar, será de admirar que aquele que ama a Jesus Cristo e quer segui-Lo
renuncie a si mesmo para O amar? [...]

E o que significa o que vem a seguir: «Tomar a própria cruz»? Que ele
suporte aquilo que é penoso e Me siga. Porque, quando um homem começa a
seguir-Me, comportando-se segundo os Meus preceitos, há muito quem o
contradiga, muito quem se oponha a ele, muito quem o desencoraje, também
entre aqueles que afirmam ser companheiros de Cristo, que são os mesmos que
impedem os cegos de gritar por Ele (Mt 20, 31). Sejam ameaças, lisonjas ou
proibições, se queres seguir a Cristo, transforma tudo isso em cruz;
aguenta, suporta, sem te deixares esmagar. [...]

Amais o mundo; mas convém amar mais Aquele que fez o mundo. [...] Estamos
num mundo que é santo, que é bom, que foi reconciliado, que foi salvo, ou
antes, que tem de ser salvo, mas que é salvo, desde já, na esperança.
«Porque na esperança é que fomos salvos» (Rom 8, 24). Assim, pois, neste
mundo, ou seja, na Igreja, que segue a Cristo, Ele diz-nos a todos: «Se
alguém quer vir Comigo, renuncie a si mesmo.»




Gerir directamente o seu abono (ou a sua subscrição) neste endereço : www.evangelhoquotidiano.org


30 de ago de 2008

Alerta do Google - guarapari

Alerta do Google de notícias sobre: guarapari

Venda Nova do Imigrante terá unidade do Cefetes
Gazeta OnLine - Vitória,ES,Brazil
As futuras instalações serão construídas em Ibatiba, Vila Velha, Guarapari, Santa Teresa e Piúma. A Rede Federal de Educação Profissional passa por uma ...
Veja todos os artigos sobre este tópico


É preciso comungar Jesus na Palavra também


Temos que aprender a comungar Jesus na Palavra em nossas vidas, porque você pode tê-la a qualquer momento próxima a você, seja no meio da noite ou em qualquer outra hora, e em qualquer lugar. Quantas pessoas já vi serem reanimadas depois de o coração ter parado de bater, e voltaram à vida. É isso que Jesus-Palavra quer dizer, Jesus pode e quer reanimar você. Todos nós que estamos sedentos, devemos ir às nascentes das águas. Só quem é o caminho, a verdade e a vida pode animar aqueles que se tornaram como que cadáveres ambulantes. O Senhor vem dizer aos que estão desanimados: “Prestai atenção, vinde a mim e vossa alma viverá”. A Palavra de Deus diz que um morto pode ressuscitar, e eu pergunto a você: Há quanto tempo você está com a sua alma morta? Os homens vêem a aparência, mas Deus vê o coração. “Jovem, levanta-te!” É uma palavra de ordem que está sendo proclamada. Seja qual for o estado do seu desânimo, Deus vem para refazer a sua história com a Sua Palavra criadora. Nós brasileiros somos emocionais, por isso muito do que passamos acaba sendo fatal, você pode até sentir, mas você não é seus sentimentos. Se você se sente a morte, você não é a morte. Separe a sua vida do problema que você está enfrentando, a sua emoção é sua emoção, mas ela não é você. A sua emoção está aí para defendê-lo, mas, infelizmente, nós fazemos o contrário: nos deixamos ser levados pelos sentimentos. Você não é os seus sentimentos, suas emoções. Você não é o seu problema. Lembre-se: Tudo passa, a paciência, como diz santa Teresa, tudo alcança, a quem tem Deus nada falta, só Deus basta. Seu irmão,

Monsenhor Jonas Abib

Liturgia Diária!!!

Sabado, dia 30 de Agosto de 2008
Beata Joana Jugan, religiosa, +1879, Santa Tecla, virgem, mártir, séc. I



Comentário ao Evangelho do dia feito por
São [Padre] Pio de Pietrelcina : «Passado muito tempo, voltou o senhor daqueles servos»

Leituras

1 Cor. 1,26-31.
Considerai, pois, irmãos, a vossa vocação: humanamente falando, não há
entre vós muitos sábios, nem muitos poderosos, nem muitos nobres.
Mas o que há de louco no mundo é que Deus escolheu para confundir os
sábios; e o que há de fraco no mundo é que Deus escolheu para confundir o
que é forte.
O que o mundo considera vil e desprezível é que Deus escolheu; escolheu os
que nada são, para reduzir a nada aqueles que são alguma coisa.
Assim, ninguém se pode vangloriar diante de Deus.
É por Ele que vós estais em Cristo Jesus, que se tornou para nós sabedoria
que vem de Deus, justiça, santificação e redenção,
a fim de que, como diz a Escritura, aquele que se gloria, glorie-se no
Senhor.


Salmos 33(32),12-13.18-19.20-21.
Feliz a nação cujo Deus é o SENHOR, o povo que Ele escolheu para sua
herança.
Do céu, o SENHOR contempla e vê toda a humanidade;
Os olhos do SENHOR velam pelos seus fiéis, por aqueles que esperam na sua
bondade,
para os libertar da morte e os manter vivos no tempo da fome.
nossa alma espera no SENHOR; Ele é o nosso amparo e o nosso escudo.
Nele se alegra o nosso coração e em seu nome santo confiamos.


Mateus 25,14-30.
«Será também como um homem que, ao partir para fora, chamou os servos e
confiou-lhes os seus bens.
A um deu cinco talentos, a outro dois e a outro um, a cada qual conforme a
sua capacidade; e depois partiu.
Aquele que recebeu cinco talentos negociou com eles e ganhou outros cinco.
Da mesma forma, aquele que recebeu dois ganhou outros dois.
Mas aquele que apenas recebeu um foi fazer um buraco na terra e escondeu o
dinheiro do seu senhor.
Passado muito tempo, voltou o senhor daqueles servos e pediu-lhes contas.
Aquele que tinha recebido cinco talentos aproximou-se e entregou-lhe outros
cinco, dizendo: 'Senhor, confiaste-me cinco talentos; aqui estão outros
cinco que eu ganhei.'
O senhor disse-lhe: 'Muito bem, servo bom e fiel, foste fiel em coisas de
pouca monta, muito te confiarei. Entra no gozo do teu senhor.'
Veio, em seguida, o que tinha recebido dois talentos: 'Senhor, disse ele,
confiaste-me dois talentos; aqui estão outros dois que eu ganhei.'
O senhor disse-lhe: 'Muito bem, servo bom e fiel, foste fiel em coisas de
pouca monta, muito te confiarei. Entra no gozo do teu senhor.'
Veio, finalmente, o que tinha recebido um só talento: 'Senhor, disse ele,
sempre te conheci como homem duro, que ceifas onde não semeaste e recolhes
onde não espalhaste.
Por isso, com medo, fui esconder o teu talento na terra. Aqui está o que te
pertence.'
O senhor respondeu-lhe: 'Servo mau e preguiçoso! Sabias que eu ceifo onde
não semeei e recolho onde não espalhei.
Pois bem, devias ter levado o meu dinheiro aos banqueiros e, no meu
regresso, teria levantado o meu dinheiro com juros.'
Tirai-lhe, pois, o talento, e dai-o ao que tem dez talentos.
Porque ao que tem será dado e terá em abundância; mas, ao que não tem, até
o que tem lhe será tirado.
A esse servo inútil, lançai-o nas trevas exteriores; ali haverá choro e
ranger de dentes.'»


Da Bíblia Sagrada



Comentário ao Evangelho do dia feito por

São [Padre] Pio de Pietrelcina (1887-1968), capuchinho
TN in Ep 4,875, 878

«Passado muito tempo, voltou o senhor daqueles servos»

«Meus irmãos, até agora nada fizemos; comecemos, pois, a partir de hoje.»
Era a si próprio que São Francisco dirigia esta exortação; humildemente,
façamo-la nossa. É verdade que ainda nada fizemos, ou que fizemos muito
pouco! Os anos sucedem-se, sem que perguntemos a nós próprios o que
podíamos ter feito; quer dizer que não há nada a modificar, a acrescentar
ou a cortar na nossa conduta? Vivemos sem preocupações, como se não
estivesse para chegar o dia em que o Juiz eterno nos chamará a Si, em que
teremos de prestar contas dos nossos actos e daquilo que fizemos com o
nosso tempo.

Não percamos tempo. Não deixemos para amanhã aquilo que podemos fazer hoje;
os túmulos estão cheios de boas intenções; aliás, quem sabe se amanhã ainda
estaremos amanhã? Oiçamos a voz da nossa consciência, que é a voz do
profeta: «Oxalá ouvísseis a Sua voz! Não torneis duros vossos corações» (Sl
94, 7-8).

Só temos à nossa disposição o momento presente; velemos, pois, e vivamo-lo
como um tesouro que nos foi confiado. O tempo não nos pertence; não o
desperdicemos.




Gerir directamente o seu abono (ou a sua subscrição) neste endereço : www.evangelhoquotidiano.org


29 de ago de 2008

Amar a minha pequenez e a minha pobreza


Deus faz quando assumimos que somos pequenos e pobres



Deus faz as grandes coisas por meio dos pequenos. É para o pequeno e o humilde que Ele manifesta a Sua glória. Para os orgulhosos é difícil acolher a própria pequenez e assumir que são pequenos. Por isso, assuma-se e ame-se.
Somos apenas uma “poeirinha”, mas Deus volve o olhar d’Ele para nós.
O que agrada a Deus, o que dá liberdade para Ele agir, é, primeiro: quando admitimos que somos pequenos, pobres e humildes; segundo: quando aceitamos e assumimos que somos pequenos. Maria nunca quis ser grande, por isso o Senhor olhou para Ela.
Meus irmãos, quem era João XXIII? Ele só queria ser um pároco da Igreja, viver uma vida de simplicidade, pois sabia que era pequeno. Mas Deus pôs Seus olhos nele e ele foi eleito Papa e, como a Santíssima Virgem Maria, deu o seu “sim”. E quantas maravilhas Deus fez por intermédio dele, que foi chamado de "O Papa bom", porque sabia que era pequeno e também sabia que tudo era por inspiração de Deus.
Deus pode fazer coisas grandiosas nas pessoas que assumem seu nada.
Lembro que no início de meu sacerdócio, no começo de janeiro, Dom Antônio Afonso de Miranda me chamou e disse "Esse documento [Evangelii Nuntiandi] é muito sério, precisamos colocá-lo em ação; comece como os jovens".
Eu vi inspiração nas palavras de Dom Antônio, mas ele não parou por aí. E foi me falando que "os batizados não são evangelizados. Faça alguma coisa!"
Ouça essa palestra na íntegra
Eu me senti pequeno diante de algo tão grande. Comecei com os jovens através dos encontros com os Catecumenatos. Mais tarde os desafiei a darem um ano de suas vidas a Deus.
Doze jovens começaram comigo a experiência de largar tudo para ser só de Deus e evangelizar. Mas, alguém que estava sentada em sua cadeira disse que era algo muito sério, pois não seria só um ano, mas daria sua vida toda ao Senhor. A única dos doze, que começaram comigo, que ficou até hoje foi a Luzia. É uma história de duas pessoas que tiveram a graça de, assim como Maria, assumir o seu nada.
Lembro que a Luzia, quando se confessou comigo, só chorava mais que se confessava. Naquele momento, ela assumiu sua pequenez. Por isso, digo aos meus filhos de comunidade: “O segredo é assumir sua pequenez.
Se nós tivéssemos amado ainda mais nosso nada, Deus teria feito ainda muito mais, mas mesmo assim o Senhor fez em nós maravilhas. É por isso que a Canção Nova existe”.
Deus faz quando assumimos que somos pequenos e pobres. Para o Senhor nada é impossível, o segredo está aí. É necessário aceitar e assumir a nossa pequenez e pobreza. Louvemos ao Senhor que faz o impossível naqueles que reconhecem a sua pequenez.


Padre Jonas Abib


Fundador da Comunidade Canção Nova e Presidente da Fundação João Paulo II. É autor de diversos livros, milhares de palestras em áudio e vídeo, viajando o Brasil e o mundo em encontros de evangelização.

Alerta do Google - guarapari

Alerta do Google de notícias sobre: guarapari

População do ES cresce 11% e Estado já soma 3,4 milhões de habitantes
Gazeta OnLine - Vitória,ES,Brazil
São eles: Alegre, Ecoporanga, Governador Lindemberg, Guarapari, Linhares, Pedro Canário, Piúma e Rio Bananal. O Brasil tem atualmente 189,6 milhões de ...
Veja todos os artigos sobre este tópico

Maninho no Hallel : "A voz do menino"




Baixe aqui a entrevista feita a ele!

A vocação profissional


'Ser santo é cumprir bem os deveres e ser alegre'

Acredito que toda criança escuta a famosa pergunta: “O que você vai ser quando crescer?” E assim, mesmo sem entendermos bem, crescemos com um questionamento vocacional dentro de nós. A palavra “vocação” vem do latim “vocatione” (substantivo) e significa “chamado”, “escolha”, “talento”, “aptidão” ou “vocare” (verbo), que significa “chamar”.

Podemos dizer que existem dois tipos de chamado: um humano e outro divino. O que chamamos de humano consiste na possibilidade de realização de todas as nossas capacidades ou talentos. A dimensão divina consiste no chamado a termos uma relação pessoal com Deus. As duas dimensões são igualmente importantes.

Hoje, no entanto, falaremos um pouco da primeira dimensão, ou seja, da humana. Na escolha por uma profissão é importante levarmos em conta a realização pessoal e o serviço ao próximo. Para descobrirmos a nossa vocação precisamos responder a perguntas como: Do que eu gosto? Quais são as minhas aptidões naturais? O que fala mais alto em mim quando penso em uma vocação? Responder essas perguntas é o primeiro passo para a descoberta de nossa vocação.

Entretanto, precisamos salientar que precisamos perceber em que temos uma maior habilidade e adaptar o nosso talento natural à realidade, pois o trabalho também possui uma outra dimensão que é a de prover a subsistência de cada um de nós.

Victor Frankl afirma que: “O trabalho pode representar o campo em que o ‘caráter de algo único’ do indivíduo se relaciona com a comunidade, recebendo assim o seu sentido e o seu valor. Contudo, este sentido e valor é inerente em cada caso, à realização (à realização com que se contribui para a comunidade) e não a profissão concreta como tal. Não é, por conseguinte, um determinado tipo de profissão que oferece ao homem a possibilidade de atingir a plenitude. Neste sentido, pode-se dizer que nenhuma profissão faz o homem feliz. A profissão, em si, não é ainda suficiente para tornar o homem insubstituível; o que a profissão faz é simplesmente dar-lhe a oportunidade para vir a sê-lo”.

A nossa profissão constitui-se numa possibilidade de nos colocarmos a serviço do outro, e é nessa possibilidade que o nosso trabalho ganha importância e significado, permitindo-nos a descoberta de quem realmente somos. A realização que vem do trabalho tem relação com o que há de mais específico e original em cada um de nós.

No exercício profissional podemos expressar, de forma única, quem somos e, assim, oferecer uma contribuição para a sociedade que somente nós podemos dar. Isso independentemente do que fazemos. Portanto, a questão não está no que fazemos, e sim, em como fazemos. Claro, precisamos estar atentos à realidade em que vivemos e as oportunidades que por um acaso possam surgir para bem aproveitá-las. Mas o mais importante é entendemos que não é uma profissão que faz o homem feliz; uma profissão apenas oferece oportunidade para sermos feliz. A verdadeira felicidade está em servimos ao outro e a Deus.

São Domingos Sávio dizia que: “Ser santo é cumprir bem os deveres e ser alegre”. Ele nos deixou a lição de que “trabalhar com alegria” é um bom caminho que podemos seguir rumo à santidade e, dessa forma, podemos unir as duas dimensões vocacionais: a humana e a divina.

Façamos tudo com alegria, na certeza de que independente da nossa profissão, independente do que nós fazemos, podemos contribuir para o bem de outros, podemos deixar a marca da nossa singularidade, pois somos “únicos e irrepetíveis” como bem dizia Victor Frankl. Procuremos viver a cada dia o princípio deixado por São Paulo: “Quer comais ou bebais ou façais qualquer outra coisa, façais tudo para a glória de Deus” (1Cor 10,31).

Liturgia Diária!!!

Sexta-feira, dia 29 de Agosto de 2008
Martírio de S. João Baptista



Comentário ao Evangelho do dia feito por
Lansperge : "Felizes os que são perseguidos por amor da justiça" (Mt 5,10)

Leituras

Jer. 1,17-19.
Tu, porém, cinge os teus rins, levanta-te e diz-lhes tudo o que Eu te
ordenar. Não temas diante deles; se não, serei Eu a fazer-te temer na sua
presença.
E eis que hoje te estabeleço como cidade fortificada, como coluna de ferro
e muralha de bronze, diante de todo este país, dos reis de Judá e de seus
chefes, dos sacerdotes e do povo da terra.
Far-te-ão guerra, mas não hão-de vencer, porque Eu estou contigo para te
salvar» – oráculo do Senhor.


Salmos 71(70),1-2.3-4.5-6.15.17.
Em ti, SENHOR, me refugio, jamais serei confundido.
Pela tua justiça, livra-me e protege-me; inclina para mim os teus ouvidos e
salva-me.
Sê a minha protecção e o refúgio onde me acolho. Tu prometeste salvar-me,
pois és o meu rochedo e a minha fortaleza.
Meu Deus, livra-me das mãos do ímpio, das mãos do opressor e do violento.
Tu és a minha esperança, ó Senhor DEUS, e a minha confiança desde a
juventude.
Em ti me apoio desde o seio materno, desde o ventre materno és o meu
protector; és o objecto contínuo do meu louvor.
minha boca proclamará a tua justiça, e todo o dia anunciarei a tua
salvação, sabendo bem que ela é inenarrável.
Instruíste-me, ó Deus, desde a minha juventude e até hoje anunciei sempre
as tuas maravilhas.


Marcos 6,17-29.
Na verdade, tinha sido Herodes quem mandara prender João e pô-lo a ferros
na prisão, por causa de Herodíade, mulher de Filipe, seu irmão, que ele
desposara.
Porque João dizia a Herodes: «Não te é lícito ter contigo a mulher do teu
irmão.»
Herodíade tinha-lhe rancor e queria dar-lhe a morte, mas não podia,
porque Herodes temia João e, sabendo que era homem justo e santo,
protegia-o; quando o ouvia, ficava muito perplexo, mas escutava-o com
agrado.
Mas chegou o dia oportuno, quando Herodes, pelo seu aniversário, ofereceu
um banquete aos grandes da corte, aos oficiais e aos principais da
Galileia.
Tendo entrado e dançado, a filha de Herodíade agradou a Herodes e aos
convidados. O rei disse à jovem: «Pede-me o que quiseres e eu to darei.»
E acrescentou, jurando: «Dar-te-ei tudo o que me pedires, nem que seja
metade do meu reino.»
Ela saiu e perguntou à mãe: «Que hei-de pedir?» A mãe respondeu: «A cabeça
de João Baptista.»
Voltando a entrar apressadamente, fez o seu pedido ao rei, dizendo: «Quero
que me dês imediatamente, num prato, a cabeça de João Baptista.»
O rei ficou desolado; mas, por causa do juramento e dos convidados, não
quis recusar.
Sem demora, mandou um guarda com a ordem de trazer a cabeça de João. O
guarda foi e decapitou-o na prisão;
depois, trouxe a cabeça num prato e entregou-a à jovem, que a deu à mãe.
Tendo conhecimento disto, os discípulos de João foram buscar o seu corpo e
depositaram-no num sepulcro.


Da Bíblia Sagrada



Comentário ao Evangelho do dia feito por

Lansperge, o Cartuxo (1489-1539), religioso, teólogo
Sermão para a Degolação de S. João Baptista, Opera Omnia, t.2, p. 514s

"Felizes os que são perseguidos por amor da justiça" (Mt 5,10)

A morte de Cristo está na origem de uma multidão incontável de crentes.
Pelo poder desse mesmo Jesus e graças à sua bondade, a morte preciosa dos
seus mártires e dos seus santos fez nascer uma grande multidão de cristãos.
Com efeito, nunca a religião cristã pôde ser aniquilada pela perseguição
dos tiranos nem pelo assassinato injustificácel de inocentes: pelo
contrário, sempre tirou disso grande fonte de crescimento.
     
Temos um exemplo em S. João, que baptizou Cristo e cujo santo martírio hoje
festejamos. Herodes, esse rei infiel, quis, por fidelidade ao seu
juramento, apagar completamente da memória dos homens a lembrança de João.
Ora não só João não foi aniquilado como milhares de homens, inflamados pelo
seu exemplo, acolheram a morte com alegria por amor da justiça e da
verdade... Que cristão, digno desse nome, não venera hoje João, aquele que
baptizou o Senhor? Em toda a parte do mundo, os cristãos celebram a sua
memória, todas as gerações o proclamam bem-aventurado e as sua virtudes
enchem a Igreja de perfume. João não viveu só para si e não morreu só para
si.




Gerir directamente o seu abono (ou a sua subscrição) neste endereço : www.evangelhoquotidiano.org


28 de ago de 2008

O MISTÉRIO DA ESCADA

ENCONTRO VOCACIONAL

COMUNIDADE MENSAGEIROS DA BOA NOVA

Liturgia Diária!!!

Quinta-feira, dia 28 de Agosto de 2008
Santo Agostinho, bispo, Doutor da Igreja, +430



Comentário ao Evangelho do dia feito por
S. Macário : Pela oração, vigiar à espera de Deus

Leituras

1 Cor. 1,1-9.
Paulo, chamado por vontade de Deus a ser apóstolo de Cristo Jesus, e
Sóstenes, nosso irmão,
à igreja de Deus que está em Corinto, aos santificados em Cristo Jesus,
chamados a ser santos, com todos os que em qualquer lugar invocam o nome de
Nosso Senhor Jesus Cristo, Senhor deles e nosso:
graça e paz vos sejam dadas da parte de Deus, nosso Pai, e do Senhor Jesus
Cristo.
Dou incessantemente graças ao meu Deus por vós, pela graça de Deus que vos
foi concedida em Cristo Jesus.
Pois nele é que fostes enriquecidos com todos os dons, tanto da palavra
como do conhecimento.
Assim, foi confirmado em vós o testemunho de Cristo,
de modo que não vos falta graça alguma, a vós que esperais a manifestação
de Nosso Senhor Jesus Cristo.
É Ele também que vos confirmará até ao fim, para que sejais encontrados
irrepreensíveis no Dia de Nosso Senhor Jesus Cristo.
Fiel é Deus, por quem fostes chamados à comunhão com seu Filho, Jesus
Cristo Nosso Senhor.


Salmos 145(144),2-3.4-5.6-7.
Todos os dias te bendirei; louvarei o teu nome para sempre.
SENHOR é grande e digno de todo o louvor; a sua grandeza é insondável.
Cada geração contará à seguinte o louvor das tuas obras e todos proclamarão
as tuas proezas.
Anunciarão o esplendor da tua majestade e eu meditarei sobre as tuas
maravilhas.
Eles contarão o poder das tuas obras e eu proclamarei a tua grandeza.
Assim celebrarão a memória da tua imensa bondade e glorificarão a tua
justiça.


Mateus 24,42-51.
Vigiai, pois, porque não sabeis em que dia virá o vosso Senhor.
Ficai sabendo isto: Se o dono da casa soubesse a que horas da noite viria o
ladrão, estaria vigilante e não deixaria arrombar a casa.
Por isso, estai também preparados, porque o Filho do Homem virá na hora em
que não pensais.»
«Quem julgais que é o servo fiel e prudente, que o senhor pôs à frente da
sua família para os alimentar a seu tempo?
Feliz esse servo a quem o senhor, ao voltar, encontrar assim ocupado.
Em verdade vos digo: Há-de confiar-lhe todos os seus bens.
Mas, se um mau servo disser consigo mesmo: 'O meu senhor está a demorar',
e começar a bater nos seus companheiros, a comer e a beber com os ébrios,
o senhor desse servo virá no dia em que ele não o espera e à hora que ele
desconhece;
vai afastá-lo e dar-lhe um lugar com os hipócritas. Ali haverá choro e
ranger de dentes.»


Da Bíblia Sagrada



Comentário ao Evangelho do dia feito por

S. Macário (? - 405), monge no Egipto
Homilias espirituais, nº 33

Pela oração, vigiar à espera de Deus

Para rezar, não são precisos nem gestos, nem gritos, nem silêncio, nem
genuflexões. A nossa oração, ao mesmo tempo sábia e fervorosa, deve ser
espera de Deus, até que Deus venha e visite a nossa alma por todas as suas
vias de acesso, por todos os seus caminhos, por todos os seus sentidos.
Demos tréguas aos nossos silêncios, aos nossos gemidos, aos nossos soluços:
não procuremos na oração senão o abraço apertado de Deus.
      
Não é verdade que, no trabalho, empregamos todo o nosso corpo num mesmo
esforço? Não colaboram nisso todos os nossos membros? Que também a nossa
alma se consagre toda ela à oração e ao amor do Senhor; que ela não se
deixe distrair nem bloquear com pensamentos; que toda ela seja espera de
Cristo. Então Cristo iluminá-la-á, ensinar-lhe-á a verdadeira oração,
dar-lhe-á a súplica pura e espiritual de acordo com a vontade de Deus, a
adoração "em espírito e verdade" (Jo 4,24).
      
Aquele que exerce um comércio não procura simplesmente realizar um lucro.
Esforça-se também, por todos os meios, por aumentá-lo e acrescentá-lo.
Empreende novas viagens e renuncia às que lhe parecem não trazer proveito;
só parte com a esperança de um negócio.. Como ele, saibamos também conduzir
a nossa alma pelos caminhos mais diversos e mais oportunos e adquiriremos,
oh ganho supremo e verdadeiro, esse Deus que nos ensina a rezar na verdade.
     
O Senhor repousa numa alma fervorosa, faz dela o seu trono de glória, ali
se senta e permanece.




Gerir directamente o seu abono (ou a sua subscrição) neste endereço : www.evangelhoquotidiano.org


27 de ago de 2008

EM HOMENAGEM A UM GRANDE AMIGO...

EUCARISTIA - IMPOSSÍVEL SER CRISTÃO E NÃO ADORAR!


Padre Roberto fala nesta palestra sobre a força da Eucaristia e como precisamos viver ao redor dela para sermos verdadeiros seguidores de Jesus!

Ouça e baixe esta palestra incrível que todo cristão deveria ouvir e ver como é indispensável valorizar este tão excelso sacramento que é o próprio Jesus em nosso meio.

ESCLARECIMENTO

Alguns links não estarão funcionando até amanhã ou sexta porque está sendo reconfigurado nosso site. Até sábado, se tudo der certo, nosso endereço novo será:
missaocefas.org

Quem está precisando acessar a quaresma de São Miguel é só seguir este link:
http://missaocefas.blogspot.com/2008/08/quarentena-de-so-miguel.html

Ore por nós!
Deus te abençoe!

O que é Twitter? Para que serve o Twitter?


Uma das maiores falhas (inclusive minha) em tentar definir o Twitter até o momento baseia-se no fato de que o twitter não tem um uso claro e definido.Pra começar você entra no site, cria uma conta e diz o que você está fazendo no momento. Pra ficar mais interessante é legal seguir seus amigos (entrando na página deles e clicando em follow). Cada vez que você adiciona um amigo você começa a receber as mensagens deles. Quando você envia uma mensagem, todo mundo que te segue recebe a sua mensagem. Para enviar uma mensagem especificamente para uma pessoa coloque @usuariodapessoa no começo da sua mensagem. Esta também é uma forma de forçar/faciliar alguém a ler sua mensagem, pois se ele não te segue ele não lerá o que você escreve. As mensagens desse tipo aparecem numa pasta em separado chamada Replies. Mais detalhes de configuração você encontra nesse artigo do G1.A facilidade de acessar o twitter de qualquer lugar faz com que a maioria dos acontecimentos seja anunciada primeiro no twitter e o fato de usar mensagens curtas faz com que isso seja transmitido e retransmitido rapidamente. O terremoto em São Paulo por exemplo foi notificado às 21:02 no twitter, a notícia mais antiga que encontrei foi da Abril, às 21:53. E pra quem reclama de detalhes é só acompanhar o que todas as pessoas escreveram (e continuam escrevendo) sobre o assunto: terremotosp.Mas isso não resumo o twitter, ele tem muitas funções úteis, vou tentar descrever a maioria delas.


  • Usando o celular:

Um texto no twitter é limitado a 140 caracteres, essa limitação é para viabilizar a integração do twitter com mensagens de texto via celular (SMS), isso transforma o twitter numa plataforma acessível a 126 milhões de brasileiros. Uma das formas mais simples de enviar mensagens via SMS para o twitter aqui no Brasil é através do SMS2Blog. Isso permite enviar mensagens para seus amigos ou registrar acontecimentos em qualquer lugar pois dificilmente estamos sem celular ou em local onde o celular não funcione.Se o seu celular/smartphone possui acesso à web a coisa fica mais simples, acesse m.twitter.com e tenha acesso a quase todas as funcionalidades da versão web. Ou então instale o ceTwit (dica do @csoler)


  • Usando o MSN:

O twitter também pode ser integrado com instant messengers.


  • Usando o Firefox:

Você pode acompanhar o twitter sem precisar dar Refresh (F5) no http://www.twitter.com/, também não precisa ficar de olho grudado no Gtalk (que as vezes falha e você acaba perdendo mensagens). Usando o plugin TwitterFox você acompanha o que seus amigos estão dizendo, vê as respostas e mensagens diretas pra você e pode responder de volta através de uma pequena janela no rodapé do seu browser.Usando o e-mail:Através do TwitterMail você pode se cadastrar e obter um endereço de e-mail para enviar suas mensagens através de qualquer programa de e-mail.


  • Se você tem um blog:

Você pode usar seu twitter como um microblog, muitas vezes você encontra algo na rede que é interessante, mas não o suficiente para fazer um post, ou na verdade já é um post em outro blog e não faz sentido repetir o assunto, mas se você gostaria de divulgar para todo mundo, então você pode fazê-lo no seu twitter!


  • Se você costuma participar de eventos:

Você pode usar o twitter para fazer uma microcobertura do evento, postando os títulos das palestras, nomes dos palestrantes e algumas frases chave para dar uma idéia do que está acontecendo aos seus seguidores.


Há ainda muitas outras utilidades para essa tecnologia. Veja tudo no link fonte.


Liturgia Diária!!!

Quarta-feira, dia 27 de Agosto de 2008
Santa Mónica, viúva, mãe de Santo Agostinho, +387



Comentário ao Evangelho do dia feito por
Baudoin de Ford : "Senhor, arranca o meu coração de pedra"

Leituras

2 Tess. 3,6-10.16-18.
Ordenamo-vos, irmãos, no nome do Senhor Jesus Cristo, que vos afasteis de
todo o irmão que leva uma vida desordenada e oposta à tradição que de nós
recebestes.
Com efeito, vós próprios sabeis como deveis imitar-nos, pois não vivemos
desordenadamente entre vós,
nem comemos o pão de graça à custa de alguém, mas com esforço e canseira,
trabalhámos noite e dia, para não sermos um peso para nenhum de vós.
Não é que não tivéssemos esse direito, mas foi para nos apresentarmos a nós
mesmos como modelo, para que nos imitásseis.
Na verdade, quando ainda estávamos convosco, era isto que vos ordenávamos:
se alguém não quer trabalhar também não coma.
O Senhor da paz, Ele próprio, vos dê a paz, sempre e em todos os lugares. O
Senhor esteja com todos vós.
A saudação é do meu punho, de Paulo. É este o sinal em todas as Cartas. É
assim que eu escrevo.
A graça de Nosso Senhor Jesus Cristo esteja com todos vós.


Salmos 128(127),1-2.4-5.
Felizes os que obedecem ao SENHOR e andam nos seus caminhos.
Comerás do fruto do teu próprio trabalho: assim serás feliz e viverás
contente.
Assim vai ser abençoado o homem que obedece ao SENHOR.
SENHOR te abençoe do monte Sião! Possas contemplar a prosperidade de
Jerusalém todos os dias da tua vida,


Mateus 23,27-32.
Ai de vós, doutores da Lei e fariseus hipócritas, porque sois semelhantes a
sepulcros caiados: formosos por fora, mas, por dentro, cheios de ossos de
mortos e de toda a espécie de imundície!
Assim também vós: por fora pareceis justos aos olhos dos outros, mas por
dentro estais cheios de hipocrisia e de iniquidade.
Ai de vós, doutores da Lei e fariseus hipócritas, que edificais sepulcros
aos profetas e adornais os túmulos dos justos,
dizendo: 'Se tivéssemos vivido no tempo dos nossos pais, não teríamos sido
seus cúmplices no sangue dos profetas!'
Deste modo, confessais que sois filhos dos que assassinaram os profetas.
Acabai, então, de encher a medida dos vossos pais!


Da Bíblia Sagrada



Comentário ao Evangelho do dia feito por

Baudoin de Ford (?-v.1190), abade cisterciense
Tratado 10

"Senhor, arranca o meu coração de pedra"

Cabe-nos amar a Cristo como ele nos amou. Deixou-nos o seu exemplo para que
sigamos os seus passos (1Pe 2,21). É por isso que ele diz: "Põe-me como um
selo sobre o teu coração" (Ct 8,6), o que quer dizer: "Ama-me como eu te
amo. Guarda-me no teu espírito, na tua memória, no teu desejo, nos teus
suspiros, nos teus gemidos, nos teus soluços. Lembra-te, ó homem, em que
estado te criei, quanto te elevei acima das outras criaturas, com que
dignidade te enobreci, como te coroei de glória e de honra, como te
coloquei acima dos anjos e como tudo pus a teus pés (Sl 8). Lembra-te não
só de tudo o que fiz por ti mas também de quantas provas e humilhações
sofri por ti... E tu, se me amas, mostra-o; ama, não com palavras e com a
língua, mas com actos e em verdade... Põe-me como um selo sobre o teu
coração e ama-me com todas as tuas forças"...
      
Senhor, arranca o meu coração de pedra, este coração duro e incircunciso.
Dá-me um coração novo, um coração de carne, um coração puro (Ez 36,26). Tu
que purificas os corações, toma posse do meu coração e vem habitar nele.




Gerir directamente o seu abono (ou a sua subscrição) neste endereço : www.evangelhoquotidiano.org


26 de ago de 2008

"O Amor vê mais do que a razão", afirma Bento XVI


Da Redação, com Rádio Vaticano

"O amor vê mais do que a razão, quando a luz da razão não nos dá mais acesso, o amor vê e torna possível a experiência de um caminho humilde e realista, dia após dia, através do qual tocamos realmente o coração de Deus". Bento XVI resumiu durante a Audiência Geral desta quarta-feira, 14, com essas palavras o ensinamento de Dionísio Aeropagita, antigo autor cristão e Padre da Igreja, que tornou possível um diálogo entre o Evangelho e a Filosofia grega inspirada por Platão.

Segundo o Pontífice, Dionísio é um exemplo a ser seguido no diálogo inter-religioso, pois a sua Teologia, pode oferecer luzes ao diálogo entre o "Evangelho e as religiões místicas da Ásia".

.: Íntegra da Catequese do Papa Bento XVI

"Quando se entra na relação íntima com Cristo, explicou o Papa, desaparecem as polêmicas e é possível se aproximar, tomando a estrada da experiência humilde de dia após dia encontrar de novo a beleza da fé, o encontro com Deus em Cristo".

Refletindo sobre os escritos de Dionísio, Bento XVI disse que para conhecer a Deus de modo completo, o "verdadeiro" teólogo recorre em primeiro lugar a tudo que a Bíblia diz sobre Ele. Como nenhuma classificação expressa plenamente o mistério de Deus, se chega a uma teologia chamada "negativa", que afirma muito mais aquilo que Deus não é.

Os conceitos, continuou o Papa, são como imagens úteis para contemplar o que supera nosso entendimento e como sinais de um encontro pessoal com Deus, no qual a especulação dá lugar à contemplação e o conhecimento, à experiência.

Este caminho de Dionísio é uma disposição interior que rejeita aprisionar Deus em simples idéias, adaptando os mistérios divinos ao pensamento humano. É uma atitude existencial que abrange toda a pessoa, pois a verdadeira teologia requer uma transformação do sujeito.

Os escritos de Dionísio, disse ainda Bento XVI, se difundiram rapidamente no Oriente grego e entre os autores latinos da Idade Média. Seus esforços para inserir a verdadeira fé na cultura helenista de sua época são de grande atualidade nos nossos dias. Também hoje, é necessário entrar em diálogo com as novas culturas para assumir o que elas têm de valor, porém sem comprometer por isso a identidade cristã, baseada na Revelação.

O Santo Padre dirigiu, durante o encontro, seu pensamento às populações de Sichuam e das províncias limítrofes na China, duramente atingidas pelo terremoto que causou graves perdas humanas, muitos desaparecidos e prejuízos incalculáveis. E fez um apelo:

"Convido todos vocês a unirem-se a mim na fervorosa oração por todos aqueles que perderam a vida. Sou particularmente solidário às pessoas provadas por tão devastadora calamidade: imploremos a Deus o alivio do sofrimento para todos eles. Queira o Senhor conceder apoio àqueles que estão empenhados em responder às exigências imediatas de socorro."

Antes de concluir o encontro com os fiéis reunidos na Praça São Pedro, o Santo Padre dirigiu a sua saudação em várias línguas, entre as quais o português, e concedeu a todos a sua Benção Apostólica:

"Amados Irmãos e Irmãs,
Saúdo os peregrinos de língua portuguesa, especialmente com um cordial abraço ao numeroso grupo de visitantes provindos do Brasil. Desejo a todos felicidades, paz e graça no Senhor! Faço votos de que a luz de Cristo ilumine sempre a vossa fé para que tenham uma vida digna, cristã e repleta de alegrias. Recebam a Bênção do Todo Poderoso que, de bom grado, estendo aos vossos familiares e amigos."

Igreja americana realiza novena em prol das eleições

Conferência Episcopal Americana

Nos Estados Unidos os bispos católicos convidaram os fiéis a fazerem uma novena pela vida, pela justiça e pela paz, na perspectiva das próximas eleições presidenciais, de novembro. A oração, intitulada "Novena para os Cidadãos Fiéis", pode ser encontrada no site da Conferência Episcopal Americana.

Joan Rosenhauer, diretora do departamento de Justiça, Paz e Desenvolvimento Humano, da Conferência Episcopal, explicou que esta novena especial "faz parte da campanha episcopal para ajudar os católicos a formarem suas consciências diante de questões de tipo político e social".

Os bispos publicaram sua declaração sobre a formação das consciências dos cidadãos católicos em novembro de 2007. Helen Osman, secretária de comunicação da Conferência, expressou sua esperança de que a novena "ajude os católicos a entrarem num clima de oração e de reflexão quando estiverem se preparando para votar".

Osman acrescentou que a Conferência Episcopal quer ajudar os católicos a pensarem nas questões pré-eleitorais "provendo um recurso de oração na web, que nos ajude a aprofundar em nossos valores compartilhados e na nossa identidade como católicos".

ATENÇÃO CRISTÃOS!!!


Bento XVI pede orações pelo crescente clima de tensão internacional


Da Redação, com Rádio Vaticano

Diante da "crescente tensão" que se regista na situação internacional, com uma "progressiva diminuição do clima de confiança e de colaboração entre as nações", Bento XVI pede que, sem ceder ao pessimismo, se aprofunde "a consciência de estar irmanados num destino comum" e se rejeite a violência, reconhecendo antes "a força moral do direito". Foram as palavras pronunciadas depois da recitação do Ângelus dominical, ao meio-dia de hoje, 24, em Castelgandolfo.

O Santo Padre exprimiu sua preocupação pela crise nas relações internacionais, apontando alguns pontos e, pedindo orações por esta intenção. O Papa pediu que "se esconjure o regresso a contraposições nacionalistas que em outras épocas históricas produziram consequências tão trágicas", e que se ponha de lado "a tentação de enfrentar situações novas com velhos sistemas".

Em sua mensagem, antes das Ave-Marias, Bento XVI recordou o Evangelho deste domingo, em que Jesus pergunta aos seus discípulos quem dizem as pessoas que ele é, e – depois – o que é que eles próprios dizem a esse respeito. "Em nome de todos, impetuosa e decididamente, Pedro toma a palavra para dizer: 'Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo'".


Igreja deve tornar presente, no mundo, a Paz de Deus

"Solene profissão de fé que desde então a Igreja continua a repetir. Também nós hoje queremos proclamar com íntima convicção: 'Sim, Jesus, Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo!' Façamo-lo com a consciência de que é Cristo o verdadeiro tesouro pelo qual vale a pena sacrificar tudo: é Ele o amigo que nunca nos abandona, porque conhece as mais íntimas expectativas do nosso coração. Jesus é o Filho do Deus vivo, o Messias prometido, que veio à terra para oferecer à humanidade a salvação e para satisfazer a sede de vida e de amor. Como seria vantajoso para a humanidade acolher este anúncio que traz consigo a alegria e a paz!"

O Papa comentou também as conhecidas palavras de Jesus, em resposta à profissão de fé do primeiro dos apóstolos: "Tu és Pedro e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja e as portas dos infernos não prevalecerão contra ela. A ti darei as chaves do reino dos céus". "É a primeira vez que Jesus fala da Igreja, cuja missão corresponde ao grandioso projeto de Deus de reunir em Cristo, numa só família, toda a humanidade".

"A missão de Pedro, e dos seus sucessores, é precisamente servir esta unidade da única Igreja de Deus formada por judeus e pagãos; o seu indispensável ministério é fazer com que a Igreja nunca se identifique com uma só nação, uma só cultura, mas que seja a Igreja de todos os povos, para tornar presente entre os homens, marcados por múltiplas divisões e contrastes, a paz de Deus, a unidade de todos os que em Cristo se tornaram irmãs e irmãs: esta é a missão particular do Papa, bispo de Roma e sucessor de Pedro".

"Perante a enorme responsabilidade desta tarefa", advertindo "o empenho e importância do serviço à Igreja e ao mundo" que lhe foi confiado, o Papa pede aos fiéis que o apoiem com a oração.

Tensão internacional

Foi depois da recitação do Angelus, que o Papa evocou o crescendo de tensão na situação internacional: "Temos que constatar amargamente o risco de uma deterioração progressiva daquele clima de confiança e de colaboração entre as Nações que deveriam precisamente caracterizar as suas relações".

Adverte-se bem a grande fadiga que a humanidade revela em "formar aquela consciência comum de ser família das Nações" (na expressão de João Paulo II, dirigindo-se à Assembléia Geral da ONU).

"Há que aprofundar a consciência de estarmos irmanados num mesmo destino – que em última análise é um destino transcendente – para esconjurar o regresso a contraposições nacionalistas que em outras épocas históricas produziram consequências tão trágicas".

Bento XVI observou que “os recentes acontecimentos enfraqueceram em muitos a confiança em que tais experiências ficassem definitivamente relegadas no passado". Em todo o caso, logo acrescentou: "É preciso não ceder ao pessimismo!"

"É preciso antes empenhar-se ativamente para que se rejeite a tentação de enfrentar situações novas com velhos sistemas. Há que repudiar a violência! A força moral do direito, negociações équas e transparentes para dirimir as controvérsias, a partir daquelas ligadas à relação entre integridade territorial e autodeterminação dos povos, fidelidade à palavra dada, busca do bem comum: 'eis alguns dos caminhos a percorrer, com tenacidade e criatividade, para construir relações fecundas e sinceras e para assegurar às gerações presentes e futuras tempos de concórdia e de progresso moral e civil!'"

Liturgia Diária!!!

Terça-feira, dia 26 de Agosto de 2008
S. Zeferino, papa, mártir, +217, Santa Teresa de Jesus Jornet e Ibars, virgem, fundadora, +1897, Santa Micaela do Santíssimo Sacramento, religiosa, fundadora, +1865



Comentário ao Evangelho do dia feito por
São João Eudes : «Purifica primeiro o interior»

Leituras

2 Tess. 2,1-3.14-16.
Acerca da vinda de Nosso Senhor Jesus Cristo e da nossa reunião junto dele,
pedimo-vos, irmãos,
que não percais tão depressa a presença de espírito, nem vos aterrorizeis
com uma revelação profética, uma palavra ou uma carta atribuída a nós, como
se o Dia do Senhor estivesse iminente.
Ninguém, de modo algum, vos engane. Com efeito, antes deve vir a apostasia
e manifestar-se o homem da iniquidade, o filho da perdição,
A isto Ele vos chamou por meio do nosso Evangelho: à posse da glória de
Nosso Senhor Jesus Cristo.
Portanto, irmãos, estai firmes e conservai as tradições nas quais fostes
instruídos por nós, por palavra ou por carta.
O próprio Senhor Nosso Jesus Cristo e Deus, nosso Pai, que nos amou e nos
deu, pela sua graça, uma consolação eterna e uma boa esperança,


Salmos 96,10.11-12.13.
Proclamai entre os povos: «O Senhor é rei!» Por isso, a terra está firme,
não vacila; Deus governa os povos com equidade.
Alegrem-se os céus, exulte a terra! Ressoe o mar e tudo o que nele existe!
Alegrem-se os campos e todos os seus frutos, exultem de alegria todas as
árvores dos bosques
na presença do SENHOR, que se aproxima e vem para governar a terra! Ele
governará o mundo com justiça e os povos, com a sua fidelidade.


Mateus 23,23-26.
Ai de vós, doutores da Lei e fariseus hipócritas, porque pagais o dízimo da
hortelã, do funcho e do cominho e desprezais o mais importante da Lei: a
justiça, a misericórdia e a fidelidade! Devíeis praticar estas coisas, sem
deixar aquelas.
Guias cegos, que filtrais um mosquito e engolis um camelo!
Ai de vós, doutores da Lei e fariseus hipócritas, porque limpais o exterior
do copo e do prato, quando por dentro estão cheios de rapina e de
iniquidade!
Fariseu cego! Limpa antes o interior do copo, para que o exterior também
fique limpo.


Da Bíblia Sagrada



Comentário ao Evangelho do dia feito por

São João Eudes (1601-1680), sacerdote, pregador, fundador de institutos religiosos
Coração admirável, cap. 12

«Purifica primeiro o interior»

Oh meu Deus, quão admirável é o Vosso amor por nós! Sois infinitamente
digno de ser amado, louvado e glorificado! Não tendo nós coração, nem
espírito, que seja digno deste amor, a Vossa sabedoria e a Vossa bondade
concederam-nos, porém, forma de o ser: destes-nos o Espírito e o coração do
Vosso Filho, para que fosse o nosso próprio espírito e o nosso próprio
coração, segundo a promessa que fizestes pelo Vosso profeta: «Dar-vos-ei um
coração novo e introduzirei em vós um espírito novo» (Ez 36, 26); e, para
que soubéssemos que coração e que espírito novos eram estes,
acrescentastes: «Dentro de vós porei o Meu espírito» (27). Só o Espírito e
o coração de Deus são dignos de amar e de louvar um Deus, são capazes de O
bendizer e de O amar como Ele deve ser bendito e amado. Foi por isso que
nos destes o Vosso coração, o coração do Vosso Filho, Jesus Cristo, bem
como o coração de Sua Mãe e o coração de todos os santos e anjos que, em
conjunto, formam um só coração, como a cabeça e os membros formam um só
corpo (Ef 4, 15). [...]

Renunciai, pois, irmãos, ao vosso coração e ao vosso espírito, à vossa
vontade e ao vosso amor próprio. Dai-vos a Jesus, para entrardes na
imensidão do Seu coração, que contém o de Sua Mãe e o de todos os santos,
para vos perderdes nesse abismo de amor, de humildade e de paciência. Se
amardes o vosso próximo e tiverdes de fazer um acto de caridade, amai-o o
fazei o que deveis no coração de Jesus. Se se trata de vos humilhardes, que
seja na humildade desse coração. Se se trata de obedecerdes, que seja na
obediência do Seu coração. Se tendes de louvar, de adorar, de agradecer a
Deus, que seja em união com a adoração, o louvor e a acção de graças que
nos são dados por esse grande coração. [...] O que quer que façais, fazei
todas as coisas no espírito desse coração, renunciando ao vosso,
entregando-vos a Jesus, para agirdes no Espírito que anima o Seu coração.




Gerir directamente o seu abono (ou a sua subscrição) neste endereço : www.evangelhoquotidiano.org


25 de ago de 2008

Golpe: Cheques são adulterados em microondas

Golpistas que atuam em Santa Catarina descobriram um jeito de adulterar os valores de cheques que são preenchidos em máquinas eletrônicas. Os valores dos cheques impressos mecanicamente são apagados quando colocados em fornos microondas por determinado tempo e potência.

Com o procedimento, apenas a assinatura do cliente, feita a caneta, permanece intacta. Assim, os cheques podem ser preenchidos novamente.

“O preenchimento [na máquina] é feito com toner, que é um pó. Este pó é desintegrado dentro do microondas”, diz o perito em falsificações, Arnaldo Ferreira.

Nos últimos dois meses, uma mesma agência bancária de Florianópolis recebeu 11 cheques adulterados da mesma forma. Segundo o perito, um cheque de R$ 27 emitido em um circo na capital foi compensado dois meses depois, em Feira de Santana, na Bahia, por R$ 4,2 mil.

O perito recomenda, como precaução, usar a caneta para o preenchimento dos cheques.


fonte: http://www.atribunamt.com.br/?p=22552

USE OS MARCADORES E ACESSE TODO O CONTEÚDO DO BLOG!

RECURSOS DO BLOG!

Na coluna esquerda do Blog temos os MARCADORES onde você acessa todos os post's e arquivos do Blog por temas. Veja abaixo:

  • 5 pedrinhas = Textos com matérias sobre as 5 Pedrinhas! Imperdível!
  • Download = Aqui você encontra muita coisa santa para você baixar pro seu PC.
  • Formação = Textos formativos para o cristão estar ciente da doutrina e outros assuntos muito importantes para o cristão conhecer.
  • JMJ = Vários textos sobre as Jornadas Mundiais da Juventude e tudo o que a Igreja diz para o jovem.
  • Notícias = Fique sabendo de novidades, notícias importantes do mundo e da Igreja!
  • Nª Sª = Artigos de formação e conhecimento referente à Nossa Senhora Mãe Santíssima.
  • Oração = Orações marcantes. Navegue e aproveite dando uma paradinha aqui para orar um pouco.
  • Piadas = Se divirta lendo várias piadinhas que nos intretêem.
  • Podcast = Arquivos de áudio sobre vários temas para você se divertir e aprender sempre mais. Para ouvir ou baixar no seu PC, MP3 ou Celular.
  • Pregação = Resumo de pregações por escrito e em MP3 para você baixar e ouvir. Não perca!
  • Projetos = Acompanhe o que é o CEFAS e como estamos atuando, nossas metas, etc.
  • RCC = Matérias referente à Renovação Carismática Católica. Muita coisa boa!
  • Santos = Fique sabendo sobre a vida e curiosidades na vida dos principais Santos que nos ensinam muito!
  • Tecnologia = Conheça aqui muitos recursos disponíveis através da Tecnologia e que talvez você não conheça e não utilize porque não sabe. A tecnologia existe para facilitar a nossa vida. Então, façamos uso dela!
  • Vídeos = Vários vídeos interessantíssimos, formativos, músicas, shows, ensinamentos, pregações, mensagens, reportagens, engraçados, etc.

A vida é dura para quem é mole

Eis aqui um homem que:


• Faliu no comercio aos 31 anos.
• Perdeu a eleição para Dep. Estadual aos 32 anos.
• Faliu novamente no comércio aos 34 anos.
• Faleceu sua esposa aos 35 anos.
• Teve colapso nervoso aos 36 anos.
• Perdeu a eleição para prefeito aos 38 anos.
• Perdeu a eleição para Dep. Estadual aos 46 anos.
• Perdeu a eleição para Dep. Federal aos 48 anos.
• Perdeu a eleição para senador aos 55 anos.
• Perdeu a eleição para o senado aos 58 anos.

Aos 60 anos foi eleito Presidente do Estados Unidos da América,
Este homem foi ABRAHAM LINCOLN, ainda hoje considerado
Um dos maiores, senão o maior presidente da história dos Estados
Unidos.


E Você já está desistindo???


"A diferença entre o impossível e o possível reside na determinação da pessoa."
-- Tommy Lasorda .

“ o importante não é vencer todos os dias, mas lutar sempre”

Santo Agostinho

Fonte: http://aitv5.multiply.com/journal/item/250

Liturgia Diária!!!

Segunda-feira, dia 25 de Agosto de 2008
S. José de Calasanz, presbítero, educador, +1648, S. Luís (IX), rei de França, +1270, Beato Miguel de Carvalho, presbítero, mártir, +1624



Comentário ao Evangelho do dia feito por
Cardeal John Henry Newman : Voltar a Deus com arrependimento verdadeiro

Leituras

2 Tess. 1,1-5.11-12.
Paulo, Silvano e Timóteo à Igreja de Deus, nosso Pai, e do Senhor Jesus
Cristo, que está em Tessalónica.
Graça e paz a vós da parte de Deus Pai e do Senhor Jesus Cristo.
Devemos dar continuamente graças a Deus por vós, irmãos, como é justo, pois
que a vossa fé cresce extraordinariamente e a caridade recíproca
superabunda em cada um e em todos vós,
a ponto de nós próprios nos gloriarmos de vós nas igrejas de Deus, pela
vossa constância e fé em todas as perseguições e tribulações que suportais.

Elas são o indício do justo juízo de Deus, para que sejais considerados
dignos do reino de Deus pelo qual padeceis.
Eis por que oramos continuamente por vós: para que o nosso Deus vos torne
dignos da vocação e, com o seu poder, a vossa vontade de bem e a actividade
da vossa fé atinjam a plenitude,
de modo que seja glorificado em vós o nome de Nosso Senhor Jesus e vós
nele, segundo a graça do nosso Deus e do Senhor Jesus Cristo.


Salmos 96(95),1-2.2-3.4-5.
Cantai ao SENHOR um cântico novo, cantai ao SENHOR, terra inteira!
Cantai ao SENHOR, bendizei o seu nome, proclamai, dia após dia, a sua
salvação.
Cantai ao SENHOR, bendizei o seu nome, proclamai, dia após dia, a sua
salvação.
Anunciai aos pagãos a sua glória e a todos os povos, as suas maravilhas.
Porque o SENHOR é grande e digno de louvor, mais temível que todos os
deuses.
Os deuses dos pagãos não valem nada; foi o SENHOR quem criou os céus.


Mateus 23,13-22.
Ai de vós, doutores da Lei e fariseus hipócritas, porque fechais aos homens
o Reino do Céu! Nem entrais vós nem deixais entrar os que o querem fazer.
Ai de vós, doutores da Lei e fariseus hipócritas, que devorais as casas das
viúvas, com o pretexto de prolongadas orações! Por isso, sereis mais
rigorosamente julgados.
Ai de vós, doutores da Lei e fariseus hipócritas, que percorreis o mar e a
terra para fazer um prosélito e, depois de o terdes seguro, fazeis dele um
filho do inferno, duas vezes pior do que vós!
Ai de vós, guias cegos, que dizeis: 'Se alguém jura pelo santuário, isso
não tem importância; mas, se jura pelo ouro do santuário, fica sujeito ao
juramento.'
Insensatos e cegos! Que é o que vale mais? O ouro ou o santuário, que
tornou o ouro sagrado?
Dizeis ainda: 'Se alguém jura pelo altar, isso não tem importância; mas, se
jura pela oferta que está sobre o altar, fica sujeito ao juramento.'
Cegos! Qual é o que vale mais? A oferta ou o altar, que torna sagrada a
oferta?
Portanto, jurar pelo altar é o mesmo que jurar por ele e por tudo o que
está sobre ele;
jurar pelo santuário é jurar por ele e por aquele que nele habita;
jurar pelo Céu é jurar pelo trono de Deus e por aquele que nele está
sentado.


Da Bíblia Sagrada



Comentário ao Evangelho do dia feito por

Cardeal John Henry Newman (1801-1890), sacerdote, fundador de comunidade religiosa, teólogo
PPS vol. 5, n°22

Voltar a Deus com arrependimento verdadeiro

O sentimento da presença de Deus não é apenas o fundamento da paz numa
consciência recta; é também o fundamento da paz no arrependimento. À
primeira vista, pode parecer estranho que o arrependimento do pecador
produza nele conforto e paz. É certo que o evangelho promete transformar
toda a dor em alegria; temos, pois, de nos alegrar até na dor, na fraqueza
e no desprezo. Gloriamo-nos «também nas tribulações [...] porque o amor de
Deus foi derramado em nossos corações, pelo Espírito Santo, que nos foi
concedido», diz o Apóstolo Paulo (Rom 5, 3-5). Mas, se há dor que pode
parecer um mal absoluto, que continua a ser um mal no reinado do evangelho,
é claramente a consciência de não termos correspondido ao evangelho. Se há
momento em que a presença do Altíssimo pode parecer-nos intolerável, é o
momento em que tomamos subitamente consciência de termos sido ingratos e
rebeldes para com Ele.

E, contudo, não há arrependimento verdadeiro que não seja acompanhado pelo
pensamento de Deus. O homem arrependido pensa em Deus no seu coração,
porque O procura; e procura-O porque é movido pelo amor. É por isso que a
própria dor de ter ofendido a Deus deve ser acompanhada por uma certa
doçura, a doçura do amor. O que é o arrependimento, senão o impulso do
coração, que nos leva a entregar-nos a Deus, quer para o perdão, quer para
a correcção, a amar a Sua presença por si mesma, a preferir a correcção que
Dele provém ao repouso e à paz que o mundo poderia oferecer-nos sem Ele?
Enquanto vivia nos campos, com os porcos, o filho pródigo sentia dor, mas
não se sentia arrependido; limitava-se a ter remorsos. Quando, porém,
começou a sentir-se verdadeiramente arrependido, levantou-se, voltou para
junto do pai, a quem confessou que pecara, libertando assim o coração da
sua miséria. O remorso, aquilo a que o Apóstolo Paulo chama «a tristeza do
mundo», produz a morte (2Cor 7, 10). Em vez de voltarem para junto da fonte
da vida, do Deus da consolação, aqueles que estão cheios de remorsos
limitam-se a revolver as próprias ideias, sem conseguirem confiar a ninguém
a dor que sentem. [...] Precisamos de conforto para o nosso coração, a fim
de que ele saia das trevas e abandone a tristeza. [...] Mas só a presença
de Deus pode ser para nós refúgio verdadeiro.




Gerir directamente o seu abono (ou a sua subscrição) neste endereço : www.evangelhoquotidiano.org


24 de ago de 2008

EMBRIÕES CONGELADOS SÃO VIDAS HUMANAS!

1ª PREMIAÇÃO DO BLOG!!!

ESTAMOS LANÇANDO A PRIMEIRA PREMIAÇÃO PARA OS VISITANTES DO BLOG.
ATENÇÃO!
QUEM RESPONDER PRIMEIRO A ESTE PROBLEMA NO CAMPO DE RECADOS DO BLOG GANHARÁ UM TERÇO COM UM LIVRETO SOBRE A ORAÇÃO DO ROSÁRIO E UM LIVRO "A VERDADEIRA VIDA EM DEUS"!!!
FIQUEM ATENTOS!
LÁ VAI O PROBLEMA:

Você tem alguém conhecido que se chama Carlos? Você deve conhecer algum. Quero que você me dê 10 nomes masculinos que não tenha nenhuma das letras da palavra Carlos. Quais são os nomes? Há vários nomes possíveis.

Tente.
Deus te abençoe!

Liturgia Diária!!!

Domingo, dia 24 de Agosto de 2008
XXI Domingo Comum (semana I do saltério)
S. Bartolomeu, apóstolo



Comentário ao Evangelho do dia feito por
Santo Hilário : "Tu és... o Filho do Deus vivo"

Leituras

Is. 22,15.19-23.
Isto diz o Senhor DEUS do universo: «Vai ter com Chebna, esse tal
administrador do palácio real,
Vou depor-te do teu cargo, destituir-te do teu posto.
Naquele dia, chamarei o meu servo Eliaquim, filho de Hilquias.
Vesti-lo-ei com a tua túnica, cingi-lo-ei com a tua faixa, porei nas suas
mãos o teu poder; será como pai para os habitantes de Jerusalém, para o
povo de Judá.
Porei sobre os seus ombros a chave do palácio de David: o que ele abrir
ninguém fechará, o que ele fechar ninguém abrirá.
Fixá-lo-ei como prego em lugar firme, será como um trono de glória para a
casa de seu pai.'»


Salmos 138(137),1-2.2-3.6.8.
Dou-te graças, SENHOR, de todo o coração, na presença dos poderosos te
hei-de louvar.
Inclino-me voltado para o teu santo templo e louvarei o teu nome, pela tua
bondade e pela tua fidelidade, porque foste mais além das tuas promessas.
Inclino-me voltado para o teu santo templo e louvarei o teu nome, pela tua
bondade e pela tua fidelidade, porque foste mais além das tuas promessas.
Quando te invoquei, atendeste-me e aumentaste as forças da minha alma.
SENHOR é excelso, mas repara no humilde e reconhece de longe o soberbo.
SENHOR tudo fará por mim! Ó SENHOR, o teu amor é eterno! Não abandones a
obra das tuas mãos!


Romanos 11,33-36.
Oh, que profundidade de riqueza, de sabedoria e de ciência é a de Deus!
Como são insondáveis as suas decisões e impenetráveis os seus caminhos!
Quem conheceu o pensamento do Senhor? Quem lhe serviu de conselheiro?
Quem antes lhe deu a Ele, para que lhe seja retribuído?
Porque é dele, por Ele e para Ele que tudo existe. Glória a Ele pelos
séculos! Ámen.


Mateus 16,13-20.
Ao chegar à região de Cesareia de Filipe, Jesus fez a seguinte pergunta aos
seus discípulos: «Quem dizem os homens que é o Filho do Homem?»
Eles responderam: «Uns dizem que é João Baptista; outros, que é Elias; e
outros, que é Jeremias ou algum dos profetas.»
Perguntou-lhes de novo: «E vós, quem dizeis que Eu sou?»
Tomando a palavra, Simão Pedro respondeu: «Tu és o Messias, o Filho de Deus
vivo.»
Jesus disse-lhe em resposta: «És feliz, Simão, filho de Jonas, porque não
foi a carne nem o sangue que to revelou, mas o meu Pai que está no Céu.
Também Eu te digo: Tu és Pedro, e sobre esta Pedra edificarei a minha
Igreja, e as portas do Abismo nada poderão contra ela.
Dar-te ei as chaves do Reino do Céu; tudo o que ligares na terra ficará
ligado no Céu e tudo o que desligares na terra será desligado no Céu.»
Depois, ordenou aos discípulos que a ninguém dissessem que Ele era o
Messias.


Da Bíblia Sagrada



Comentário ao Evangelho do dia feito por

Santo Hilário (c. 315 - 367), bispo de Poitiers, doutor da Igreja
Comentários sobre Mateus, 16

"Tu és... o Filho do Deus vivo"

O Senhor tinha perguntado: "Quem dizem os homens que é o Filho do homem?"
Naturalmente que o aspecto do seu corpo manifestava o Filho do homem mas,
ao fazer esta pergunta, ele dava a entender que, para além do que se
pudesse ver nele, havia outra coisa a discernir... O objecto da pergunta
era um mistério para o qual se devia orientar a fé dos crentes.
      
A confissão de Pedro obteve plenamente a recompensa que merecia por ter
visto naquele homem o Filho de Deus. "Feliz" é ele, louvado por ter
alongado a sua vista para além dos olhos humanos, não olhando para o que
vinha da carne e do sangue mas contemplando o Filho de Deus revelado pelo
Pai dos céus. Foi considerado digno de ser o primeiro a reconhecer o que em
Cristo era de Deus. Que belo alicerce pôde ele dar à Igreja, confirmado
pelo seu novo nome! Ele torna-se a pedra digna de edificar a Igreja de
forma a que ela rompa as leis do inferno... e todas as cadeias da morte.
Feliz porteiro do céu a quem são confiadas as chaves do acesso à
eternidade; a sua sentença na terra antecipa a autoridade do céu, de tal
forma que o que tiver ligado ou desligado na terra sê-lo-á também no céu
      
Jesus ordena ainda aos discípulos que não digam a ninguém que ele é o
Cristo porque vai ser preciso que outros, quer dizer, a Lei e os profetas,
sejam testemunhas do seu Espírito, uma vez que o testemunho da ressurreição
caberá aos apóstolos. E, assim como foi manifestada a felicidade daqueles
que conhecem Cristo no Espírito, foi igualmente manifestado o perigo de se
desconhecer a sua humildade e a sua Paixão.




Gerir directamente o seu abono (ou a sua subscrição) neste endereço : www.evangelhoquotidiano.org


23 de ago de 2008

A BIBLIA E O CELULAR


Já imaginou o que aconteceria se tratássemos a nossa Bíblia do jeito que tratamos o nosso celular?
E se sempre carregássemos a nossa Bíblia no bolso ou na bolsa?
E se déssemos uma olhada nela várias vezes ao dia?
E se voltássemos para apanhá-la quando a
esquecemos em casa, no escritório...?
E se a usássemos para enviar mensagens aos nossos amigos?
E se a tratássemos como se não pudéssemo
s viver sem ela?
E se a déssemos de presente às crianças?

E se a usássemos quando viajamos?
E se lançássemos mão dela em caso de emergência?
Mais uma coisa:
Ao contrário do celular, a Bíblia não fica sem sinal. Ela 'pega' em qualquer lugar.
Não é preciso se preocupar com a falta de crédito porque Jesus já pagou a conta e os créditos não têm fim.
E o melhor de tudo: não cai a ligação e a carga da bateria é para toda a vida.
'Buscai ao Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto'! (Is 55:6)

O coração e o peso de suas contradições


PODCAST do Adriano Zandoná, missionário e seminarista da Comunidade Canção Nova.
Leia, baixe e escute:

O coração, que se torna cenário de inconstâncias, corre o sério risco de se tornar um lugar no qual a felicidade não consegue morar, pois, ele nunca conseguirá saciar sua natural sede de alegrias não transitórias.

Existem contradições próprias de nosso caminho de crescimento rumo à maturidade, outras, porém, são o resultado de uma vontade fraca e confusa, que se acostumou a não decidir com firmeza pelo melhor. Esta, porventura, acarretará sobre si o peso das contradições por ela fabricadas.
A vontade precisa ser educada e direcionada para a constância no bem.


BAIXE CLICANDO AQUI


Fonte: http://www.opiniaocn.mypodcast.com/

Liturgia Diária!!!

Sabado, dia 23 de Agosto de 2008
Santa Rosa de Lima, virgem, +1617, padroeira da América Latina



Comentário ao Evangelho do dia feito por
S. Pascácio Radberto : "Tendes um só mestre, Cristo"

Leituras

Ezeq. 43,1-7.
Conduziu-me ao pórtico, ao pórtico que dá para oriente.
E eis que a glória do Deus de Israel chegava do lado do oriente. Um ruído a
acompanhava, semelhante ao ruído de grandes águas, e a terra resplandecia
com a sua glória.
Esta visão recordava-me a que eu tinha tido, quando viera para destruir a
cidade, e também o que eu tinha visto junto ao rio Cabar. Então, caí com o
rosto por terra.
A glória do Senhor entrou no templo pelo pórtico que dá para Oriente.
O espírito conduziu-me e levou-me para o átrio interior. E eis que a glória
do SENHOR enchia o templo.
Eu ouvi que alguém me falava, no templo; e o homem estava de pé junto a
mim.
E disse-me: "Filho de homem, aqui é o lugar do meu trono, o lugar onde
coloco a planta dos meus pés, a minha residência definitiva entre os filhos
de Israel, para sempre. A casa de Israel e os seus reis não profanarão mais
o meu santo nome com as suas prostituições e com os cadáveres dos seus
reis,


Salmos 85(84),9-10.11-12.13-14.
Prestarei atenção ao que diz o SENHOR Deus; Ele promete paz para o seu povo
e para os seus amigos e para todos os que se voltam para Ele de coração.
salvação está perto dos que o temem e a sua glória habitará na nossa terra.

amor e a fidelidade vão encontrar-se. Vão beijar-se a justiça e a paz.
Da terra vai brotar a verdade e a justiça descerá do céu.
próprio SENHOR nos dará os seus bens e a nossa terra produzirá os seus
frutos.
justiça caminhará diante dele e a paz, no rasto dos seus passos.


Mateus 23,1-12.
Então, Jesus falou assim à multidão e aos seus discípulos:
«Os doutores da Lei e os fariseus instalaram-se na cátedra de Moisés.
Fazei, pois, e observai tudo o que eles disserem, mas não imiteis as suas
obras, pois eles dizem e não fazem.
Atam fardos pesados e insuportáveis e colocam-nos aos ombros dos outros,
mas eles não põem nem um dedo para os deslocar.
Tudo o que fazem é com o fim de se tornarem notados pelos homens. Por isso,
alargam as filactérias e alongam as orlas dos seus mantos.
Gostam de ocupar o primeiro lugar nos banquetes e os primeiros assentos nas
sinagogas.
Gostam das saudações nas praças públicas e de serem chamados 'mestres'
pelos homens.
Quanto a vós, não vos deixeis tratar por 'mestres', pois um só é o vosso
Mestre, e vós sois todos irmãos.
E, na terra, a ninguém chameis 'Pai', porque um só é o vosso 'Pai': aquele
que está no Céu.
Nem permitais que vos tratem por 'doutores', porque um só é o vosso
'Doutor': Cristo.
O maior de entre vós será o vosso servo.
Quem se exaltar será humilhado e quem se humilhar será exaltado.


Da Bíblia Sagrada



Comentário ao Evangelho do dia feito por

S. Pascácio Radberto (? - c. 849), monge beneditino
Comentário sobre o evangelho de Mateus, 10, 23

"Tendes um só mestre, Cristo"

Se alguém desejar um alto cargo na Igreja (cf. 1Tm 3,1), deseje a obra que
ele permite realizar e não a honra que lhe está ligada: deseje ajudar e
servir todos os homens, mais do que ser ajudado e servido por todos. Porque
o desejo de ser servido provém do orgulho, como o dos fariseus, e o desejo
de servir nasce da sabedoria e do ensinamento de Cristo. Aqueles que
procuram as honras por elas mesmas são os que se elevam, e aqueles que
alegram por levar a sua ajuda e servir são os que se abaixam para que o
Senhor os eleve.
      
Cristo não falou aqui daquele que o Senhor eleva mas disse: "Aquele que se
eleva a si mesmo será humilhado", naturalmente pelo Senhor. Também não
falou daquele que o Senhor humilha, mas disse: "Aquele que se humilha
voluntariamente será exaltado", em consequência, pelo Senhor... É por isso
que Cristo, logo após ter reservado para si, de modo particular, o título
de "mestre", imediatamente invoca a regra de sabedoria em virtude da qual
"aquele que quiser ser grande deve ser o servo de todos" (Mc 10,43)... Esta
regra, tinha-a ele exprimido noutros termos: "Aprendei de mim que sou manso
e humilde de coração" (Mt 11,29).
      
Deste modo, todo aquele que quiser ser seu discípulo não deve tardar em
aprender esta sabedoria de Cristo porque "todo o discípulo perfeito será
como o seu mestre" (Lc 6,40). Pelo contrário, aquele que tiver recusado
aprender a sabedoria ensinada pelo Mestre, longe de se tornar mestre, não
será sequer um discípulo.




Gerir directamente o seu abono (ou a sua subscrição) neste endereço : www.evangelhoquotidiano.org


22 de ago de 2008

ESTATÍSTICAS DO BLOG!

HOJE NOSSO BLOG ESTARÁ COMPLETANDO UM MÊS DE EXISTÊNCIA!
Dia 22/07/08 colocamos nosso blog no ar.
Há cinco dias atrás começamos a monitorar as estatísticas de visitas do Blog.
Veja os resultados até às 10:40 de hoje:
Em apenas 5 dias tivemos:
218 VISITANTES TOTAIS!
402 PÁGINAS VISITADAS!
132 NOVOS VISITANTES!


MEUS PARABÉNS!
ESSE SUCESSO É SEU, É NOSSO, POIS O BLOG É DE TODOS!
QUE DEUS POSSA NOS CONDUZIR E INSPIRAR PARA QUE ESTE INSTRUMENTO VENHA TRAZER SEMPRE PROFECIA, VOZ DE DEUS AO POVO, NOTÍCIAS, COMUNICAÇÃO E MUITA UNIÃO ENTRE NÓS!

(Obs.: Não deixe de comentar e deixar para nós uma crítica, idéia, opnião, etc; pois você é quem faz este canal de comunicação santo)

Oceano de plástico


Um Oceano de plástico

Durabilidade, estabilidade e resistência a desintegração. As propriedades que fazem do plástico um dos produtos com maiores aplicações e utilidades ao consumidor final, também o tornam um dos maiores vilões ambientais. São produzidos anualmente cerca de 100 milhões de toneladas de plástico e cerca de 10% deste total acabam nos oceanos, sendo que 80% desta fração vem de terra firme.

Ocean Plastic
Foto do vórtex

No oceano pacífico há uma enorme camada flutuante de plástico, que já é considerada a maior concentração de lixo do mundo, com cerca de 1000 km de extensão, vai da costa da Califórnia, atravessa o Havaí e chega a meio caminho do Japão e atinge uma profundidade de mais ou menos 10 metros . Acredita-se que haja neste vórtex de lixo cerca de 100 milhões de toneladas de plásticos de todos os tipos.
Pedaços de redes, garrafas, tampas, bolas , bonecas, patos de borracha, tênis, isqueiros, sacolas plásticas, caiaques, malas e todo exemplar possível de ser feito com plástico. Segundo seus descobridores, a mancha de lixo, ou sopa plástica tem quase duas vezes o tamanho dos Estados Unidos.

Todas a peças plásticas à direita foram tiradas do estômago desta ave

O oceanógrafo Curtis Ebbesmeyer, que pesquisa esta mancha há 15 anos compara este vórtex a uma entidade viva, um grande animal se movimentando livremente pelo pacifico. E quando passa perto do continente, você tem praias cobertas de lixo plástico de ponta a ponta.



Tartaruga deformada por aro plástico

A bolha plástica atualmente está em duas grandes áreas ligadas por uma parte estreita. Referem-se a elas como bolha oriental e bolha ocidental. Um marinheiro que navegou pela área no final dos anos 90 disse que ficou atordoado com a visão do oceano de lixo plástico a sua frente. 'Como foi possível fazermos isso?' - 'Naveguei por mais de uma semana sobre todo esse lixo'.
Pesquisadores alertam para o fato de que toda peça plástica que foi manufaturada desde que descobrimos este material, e que não foram recicladas, ainda estão em algum lugar. E ainda há o problema das partículas decompostas deste plástico. Segundo dados de Curtis Ebbesmeyer, em algumas áreas do oceano pacifico podem se encontrar uma concentração de polímeros de até seis vezes mais do que o fitoplâncton, base da cadeia alimentar marinha.

Ave morta com o estômago cheio de pedaços de plástico

Segundo PNUMA, o programa das nações unidas para o meio ambiente, este plástico é responsável pela morte de mais de um milhão de aves marinha todos os anos. Sem contar toda a outra fauna que vive nesta área, como tartarugas marinhas, tubarões, e centenas de espécies de peixes.

E para piorar essa sopa plástica pode funcionar como uma esponja, que concentraria todo tipo de poluentes persistentes, ou seja, qualquer animal que se alimentar nestas regiões estará ingerindo altos índices de venenos, que podem ser introduzidos, através da pesca, na cadeia alimentar humana, fechando-se o ciclo, na mais pura verdade de que o que fazemos à terra retorna à nós, seres humanos.

Fontes: The Independent, Greenpeace e Mindfully

Ver essas coisas sempre servem para que nós repensemos nossos valores e pricipalmente nosso papel frente ao meio ambiente, ou o ambiente em que vivemos.

Antes de Reciclar, reduza!

"Despojemo-nos das ações das trevas e vistamos as armas da Luz" Rm 13,12