16 de set de 2008

Liturgia Diária!!!

Terça-feira, dia 16 de Setembro de 2008
S. Cornélio, papa, mártir, +253, S. Cipriano, bispo, mártir, +258



Comentário ao Evangelho do dia feito por
Santo Agostinho : "Jovem, eu te ordeno, levanta-te"

Leituras

1 Cor. 12,12-14.27-31.
Pois, como o corpo é um só e tem muitos membros, e todos os membros do
corpo, apesar de serem muitos, constituem um só corpo, assim também Cristo.

De facto, num só Espírito, fomos todos baptizados para formar um só corpo,
judeus e gregos, escravos ou livres, e todos bebemos de um só Espírito.
O corpo não é composto de um só membro, mas de muitos.
Vós sois o corpo de Cristo e cada um, pela sua parte, é um membro.
E aqueles que Deus estabeleceu na Igreja são, em primeiro lugar, apóstolos;
em segundo, profetas; em terceiro, mestres; em seguida, há o dom dos
milagres, depois o das curas, o das obras de assistência, o de governo e o
das diversas línguas.
Porventura são todos apóstolos? São todos profetas? São todos mestres?
Fazem todos milagres?
Possuem todos o dom das curas? Todos falam línguas? Todos as interpretam?
Aspirai, porém, aos melhores dons. Aliás, vou mostrar-vos um caminho que
ultrapassa todos os outros.


Salmos 100(99),1-2.3.4.5.
Aclamai o SENHOR, terra inteira,
servi ao SENHOR com alegria, vinde à sua presença com cânticos de júbilo!
Sabei que o SENHOR é Deus; foi Ele quem nos criou e nós pertencemos-lhe,
somos o seu povo e as ovelhas do seu rebanho.
Entrai pelas suas portas em acção de graças; entrai nos seus átrios com
hinos de louvor; glorificai-o e bendizei o seu nome.
SENHOR é bom! O seu amor é eterno! É eterna a sua fidelidade! SALMOS


Lucas 7,11-17.
Em seguida, dirigiu-se a uma cidade chamada Naim, indo com Ele os seus
discípulos e uma grande multidão.
Quando estavam perto da porta da cidade, viram que levavam um defunto a
sepultar, filho único de sua mãe, que era viúva; e, a acompanhá-la, vinha
muita gente da cidade.
Vendo-a, o Senhor compadeceu-se dela e disse-lhe: «Não chores.»
Aproximando-se, tocou no caixão, e os que o transportavam pararam. Disse
então: «Jovem, Eu te ordeno: Levanta-te!»
O morto sentou-se e começou a falar. E Jesus entregou-o à sua mãe.
O temor apoderou-se de todos, e davam glória a Deus, dizendo: «Surgiu entre
nós um grande profeta e Deus visitou o seu povo!»
E a fama deste milagre espalhou-se pela Judeia e por toda a região.


Da Bíblia Sagrada



Comentário ao Evangelho do dia feito por

Santo Agostinho (354-430), bispo de Hipona (Norte de África) e doutor da Igreja
Sermão 98

"Jovem, eu te ordeno, levanta-te"

Que ninguém duvide, se for cristão, de que, mesmo agora, os mortos
ressuscitam. Claro que todos temos olhos para ver mortos ressuscitarem da
forma como ressuscitou o filho desta viúva de quem se fala no evangelho.
Mas nem todos podem ver ressuscitar os homens que estão mortos
espiritualmente; para isso é preciso já se ter ressuscitado interiormente.
É maior feito ressuscitar alguém que há-de viver para sempre do que
ressuscitar alguém que tem de morrer de novo.

A mãe deste jovem, esta viúva, teve transportes de alegria ao ver
ressuscitar o seu filho. A nossa mãe, a Igreja, rejubila também ao ver
todos os dias a ressurreição espiritual dos seus filhos. O filho da viúva
tinha morrido com a morte do corpo; mas estes, com a morte da alma.
Derramavam-se lágrimas sobre a morte visível do primeiro; mas poucos se
preocupam com a morte invisível destes últimos, nem sequer a vêem. O único
que não ficou indiferente foi aquele que conhecia estes últimos mortos; só
ele conhecia esses mortos e lhes podia dar a vida. Com efeito, se o Senhor
não tivesse vindo para ressuscitar os mortos, o apóstolo Paulo não teria
dito: "Levanta-te, tu que dormes, ergue-te de entre os mortos e Cristo te
iluminará!" (Ef 5,14)




Gerir directamente o seu abono (ou a sua subscrição) neste endereço : www.evangelhoquotidiano.org


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Irmão, deixe uma mensagem!!!


"Despojemo-nos das ações das trevas e vistamos as armas da Luz" Rm 13,12
CEFAS, oriundo do nome de São Pedro apóstolo, significa também um Acróstico: Comunhão para Evangelização, Formação e Anúncio do Senhor. É um humilde projeto de evangelização através da internet, buscando levar formação católica doutrinal e espiritual.