21 de nov de 2008

Liturgia Diária!!!

Sexta-feira, dia 21 de Novembro de 2008
Sexta-feira da 33ª semana do Tempo Comum

Apresentação de Nossa Senhora no Templo



Comentário ao Evangelho do dia feito por
Uma liturgia oriental : Que o templo interior seja tão belo como o templo de pedras

Leituras

Apoc. 10,8-11.
Depois, a voz do céu, que eu tinha ouvido antes, falou-me de novo: «Vai,
toma o livro aberto da mão do anjo que está de pé sobre o mar e sobre a
terra.»
Aproximei-me do anjo e pedi-lhe para me entregar o livrinho. Ele disse-me:
«Toma e come-o. Ele vai amargar-te nas entranhas, mas, na tua boca, será
doce como mel.»
Tomei o livrinho das mãos do anjo e comi-o: na minha boca era doce como
mel; mas, depois de o comer, as minhas entranhas encheram-se de amargura.
Depois, disseram-me: «É necessário que continues a profetizar contra muitos
povos, nações, línguas e reinos.»


Salmos 119,14.24.72.103.111.131.
Alegro-me mais em seguir as tuas ordens, do que em possuir qualquer
riqueza.
Os teus preceitos são as minhas delícias; são eles os meus conselheiros.
Dalet
Prezo mais a lei da tua boca do que milhões em ouro e prata. Yod
Como são doces, ao meu paladar, as tuas palavras! Mais doces do que o mel
para a minha boca.
As tuas ordens são a minha herança para sempre, porque elas alegram o meu
coração.
Abro, com avidez, a minha boca, porque tenho fome dos teus mandamentos.


Lucas 19,45-48.
Depois, entrando no templo, começou a expulsar os vendedores.
E dizia-lhes: «Está escrito: A minha casa será casa de oração; mas vós
fizestes dela um covil de ladrões.»
Ensinava todos os dias no templo, e os sumos sacerdotes e os doutores da
Lei, assim como os chefes do povo, procuravam matá-lo.
Não sabiam, porém, como proceder, pois todo o povo, ao ouvi-lo, ficava
suspenso dos seus lábios.


Da Bíblia Sagrada



Comentário ao Evangelho do dia feito por

Uma liturgia oriental
Oração para a bênção de uma igreja

Que o templo interior seja tão belo como o templo de pedras

Quando três se reúnem em teu nome (Mt 18,20), eles já formam uma igreja.
Olha os milhares aqui reunidos: os seus corações prepararam um santuário
antes que as nossas mãos construíssem este à glória do teu nome. Que o
templo interior seja tão belo como o templo de pedras. Concede-nos habitar
num como no outro; os nossos corações como estas pedras estão marcados com
o teu nome.

A força todo-poderosa de Deus teria podido construir uma morada para si
mesma de uma forma tão fácil como a que usou para, com um gesto, dar
existência ao universo. Mas Deus construiu o homem a fim de que o homem
construísse moradas para ele. Bendita seja a sua clemência que nos amou
tanto! Ele é infinito; nós somos limitados. Ele construiu para nós o mundo;
nós construímos-lhe uma casa. É admirável que o homem possa construir uma
morada ao Todo-poderoso presente em tudo, a quem ninguém saberá escapar.

Ele habita no meio de nós com ternura; ele atrai-nos com laços de amor; ele
permanece no meio de nós e chama-nos para que tomemos o caminho do céu para
habitarmos com ele. Ele deixa a sua morada e escolhe a Igreja para que nós
abandonemos a nossa morada e escolhamos o paraíso. Deus habitou no meio dos
homens para que os homens encontrem Deus.




Gerir directamente o seu abono (ou a sua subscrição) neste endereço : www.evangelhoquotidiano.org


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Irmão, deixe uma mensagem!!!


"Despojemo-nos das ações das trevas e vistamos as armas da Luz" Rm 13,12
CEFAS, oriundo do nome de São Pedro apóstolo, significa também um Acróstico: Comunhão para Evangelização, Formação e Anúncio do Senhor. É um humilde projeto de evangelização através da internet, buscando levar formação católica doutrinal e espiritual.