20 de abr de 2009

Liturgia Diária!!!

Segunda-feira, dia 20 de Abril de 2009
Segunda-feira da 2ª semana da Páscoa

S. Teodoro, presbítero, +613, Santa Inês de Montepulciano, virgem, +1312



Comentário ao Evangelho do dia feito por
Missal Romano : Renascer da água e do espírito

Leituras

Actos 4,23-31.
Logo que foram postos em liberdade, foram ter com os seus e contaram-lhes
tudo quanto os sumos sacerdotes e os anciãos lhes tinham dito.
Depois de tudo terem ouvido, ergueram a voz a Deus, numa só alma, e
disseram: «Senhor, Tu é que fizeste o Céu, a Terra, o mar e tudo o que
neles se encontra.
Tu disseste pelo Espírito Santo e pela boca do nosso pai David, teu servo:
'Porque bramiram as nações e os povos formaram vãos projectos?
Levantaram-se os reis da Terra e os chefes coligaram-se contra o Senhor e
contra o seu Ungido.'
Sim, realmente, Herodes e Pôncio Pilatos coligaram-se nesta cidade com as
nações e os povos de Israel, contra o teu Santo Servo Jesus, a quem
ungiste,
para levarem a cabo tudo quanto determinaste antecipadamente, pelo teu
poder e sabedoria.
Agora, Senhor, tem em conta as suas ameaças e concede aos teus servos
poderem anunciar a tua palavra com todo o desassombro,
estendendo a tua mão para se operarem curas, milagres e prodígios, em nome
do teu Santo Servo Jesus.»
Tinham acabado de orar, quando o lugar em que se encontravam reunidos
estremeceu, e todos ficaram cheios do Espírito Santo, começando a anunciar
a palavra de Deus com desassombro.


Salmos 2,1-3.4-6.7-9.
Porque se amotinam as nações e os povos fazem planos insensatos?
Revoltam se os reis da terra e os príncipes conspiram juntos contra o
SENHOR e contra o seu ungido:
"Quebremos as algemas e atiremos para longe de nós o seu jugo!"
Aquele que habita nos céus sorri; o Senhor escarnece deles.
Depois, atemoriza os com a sua ira e com a sua cólera confunde os:
"Fui Eu que consagrei o meu rei sobre o meu monte santo de Sião!"
Vou anunciar o decreto do SENHOR. Ele disse me: "Tu és meu filho, Eu hoje
te gerei.
Pede me e Eu te darei povos como herança e os confins da terra por domínio.
Hás-de governá los com ceptro de ferro e destruí-los como um vaso de
barro."


João 3,1-8.
Entre os fariseus havia um homem chamado Nicodemos, um chefe dos judeus.
Veio ter com Jesus de noite e disse-lhe: «Rabi, nós sabemos que Tu vieste
da parte de Deus, como Mestre, porque ninguém pode realizar os sinais
portentosos que Tu fazes, se Deus não estiver com ele.»
Em resposta, Jesus declarou-lhe: «Em verdade, em verdade te digo: quem não
nascer do Alto não pode ver o Reino de Deus.»
Perguntou-lhe Nicodemos: «Como pode um homem nascer, sendo velho?
Porventura poderá entrar no ventre de sua mãe outra vez, e nascer?»
Jesus respondeu-lhe: «Em verdade, em verdade te digo: quem não nascer da
água e do Espírito não pode entrar no Reino de Deus.
Aquilo que nasce da carne é carne, e aquilo que nasce do Espírito é
espírito.
Não te admires por Eu te ter dito: 'Vós tendes de nascer do Alto.'
O vento sopra onde quer e tu ouves a sua voz, mas não sabes de onde vem nem
para onde vai. Assim acontece com todo aquele que nasceu do Espírito.»


Da Bíblia Sagrada



Comentário ao Evangelho do dia feito por

Missal Romano
Oração para a bênção da água baptismal durante a Vigília Pascal

Renascer da água e do espírito

Senhor Nosso Deus: pelo Vosso poder invisível, realizais maravilhas nos
Vossos sacramentos. Ao longo dos tempos, preparastes a água para manifestar
a graça do Baptismo. Logo no princípio do mundo, o Vosso Espírito pairava
sobre as águas, prefigurando o seu poder de santificar. Nas águas do
dilúvio, destes-nos uma imagem do Baptismo, sacramento da vida nova, porque
as águas significam ao mesmo tempo o fim do pecado e o princípio da
santidade. Aos filhos de Abraão fizestes atravessar a pé enxuto o Mar
Vermelho, para que esse povo, liberto da escravidão, fosse a imagem do povo
santo dos baptizados. O Vosso Filho, Jesus Cristo, ao ser baptizado por
João Baptista nas águas do Jordão, recebeu a unção do Espírito Santo;
suspenso na cruz, do Seu lado aberto fez brotar sangue e água e, depois de
ressuscitado, ordenou aos Seus discípulos: «Ide e ensinai todos os povos e
baptizai-os em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo» (Mt 28, 19). Olhai agora, Senhor, para a Vossa Igreja e dignai-Vos abrir para
Ela a fonte do baptismo. Receba esta água, pelo Espírito Santo, a graça do
Vosso Unigénito, para que o homem, criado à Vossa imagem, no sacramento do
baptismo seja purificado das velhas impurezas e ressuscite homem novo pela
água e pelo Espírito Santo.




Gerir directamente o seu abono (ou a sua subscrição) neste endereço : www.evangelhoquotidiano.org


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Irmão, deixe uma mensagem!!!


"Despojemo-nos das ações das trevas e vistamos as armas da Luz" Rm 13,12
CEFAS, oriundo do nome de São Pedro apóstolo, significa também um Acróstico: Comunhão para Evangelização, Formação e Anúncio do Senhor. É um humilde projeto de evangelização através da internet, buscando levar formação católica doutrinal e espiritual.