21 de jun de 2009

Padre assessor da CNBB é assassinado

Pe. Gisley Azevedo Gomes atuava no Setor Juventude do organismo episcopal


BRASÍLIA, terça-feira, 16 de junho de 2009 (ZENIT.org).- A CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) comunicou na tarde de hoje o assassinato do padre Gisley Azevedo Gomes, CSS, assessor nacional do Setor Juventude do organismo episcopal, ocorrido ontem, 15 de junho.

“Profundamente consternada” com o episódio, a CNBB divulgou nota em que afirma que o crime está sendo investigado pela Polícia com o acompanhamento dos advogados da Conferência e da Congregação dos Sagrados Estigmas (Estigmatinos) à qual padre Gisley pertencia. Na nota, a CNBB não dá mais detalhes sobre o crime.

Ordenado em 29 de maio de 2005, padre Gisley estava na assessoria do Setor Juventude da CNBB há pouco mais de dois anos.

“Comprometido com a vida da juventude, organizava, juntamente com as Pastorais da Juventude do Brasil, a Campanha Nacional contra o Extermínio da Juventude que tem como lema ‘Juventude em marcha contra a violência’. Lamentavelmente ele foi vítima da violência que ansiava combater”, afirma a nota assinada pelo presidente da CNBB, Dom Geraldo Lyrio.

“Esperamos confiantes que o crime seja apurado com eficiência e os culpados punidos com justiça. Lembrando a Campanha da Fraternidade que realizamos sobre a Segurança Pública, reafirmamos a urgência de toda a sociedade se mobilizar para por fim à violência que ceifa vidas tão precocemente.”

Aos familiares e amigos do padre Gisley, à Congregação dos Estigmatinos, às Pastorais da Juventude do Brasil e aos Movimentos Juvenis a CNBB “manifesta seu pesar e sua solidariedade”.


© Innovative Media, Inc.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Irmão, deixe uma mensagem!!!


"Despojemo-nos das ações das trevas e vistamos as armas da Luz" Rm 13,12
CEFAS, oriundo do nome de São Pedro apóstolo, significa também um Acróstico: Comunhão para Evangelização, Formação e Anúncio do Senhor. É um humilde projeto de evangelização através da internet, buscando levar formação católica doutrinal e espiritual.