28 de jul de 2009

Bebê abortado é enterrado vivo e sobrevive!

É LAMENTÁVEL, MAS TEM DE SER DIVULGADO, PARA TENTARMOS ENTENDER ATÉ ONDE VAI A MALDADE HUMANA, QUE CADA VEZ MAIS NOS APROXIMA DE ANIMAIS IRRACIONAIS (SEM OFENSA À ESTES, OK!)


Abortado, enterrado e sobreviveu - Fotos chocantes, mas vitoriosas.

Sem comentários!


Cada dia que passa eu me surpreendo mais com o ser humano. Como alguém pode ter coragem de um ato tão monstruoso com seu próprio filho?


Deus isso tem que acabar, não pode continuar...
Não consigo entender, nem imaginar o que se passa na cabeça de uma mulher assim...

Lucinda Ferreira Guimarães, 40 anos, deverá ser indiciada por tentativa de homicídio, sob a acusação de dar à luz e enterrar vivo um menino recém-nascido em um terreno baldio próximo ao bairro São Miguel, em Laranjeiras do Sul , no Paraná.


Segundo informações a criança só sobreviveu por estar enterrada em pé tendo um cachorro cavado um pouco a terra ao redor de sua cabeça, deixando-a descoberta e por causa do calor da terra que manteve a temperatura corporal.


Os policiais foram acionados através de uma denúncia anônima para darem atendimento a uma ocorrência de abandono de criança enterrada num matagal. Segundo as primeiras informações uma senhora teria retornado para a residência ao entardecer com as vestes sujas de sangue o que chamou a atenção de vizinhos que observaram as ações
da suspeita que estaria grávida até então.

Para surpresa dos moradores locais depois de uma busca nas proximidades encontraram numa toca de tatu no matagal, um recém-nascido que estava cheio de bichos e moscas sob sua pele. Já se passavam 24 horas do provável aborto e os moradores então acionaram a polícia, pois achavam que o recém-nascido estaria em óbito.


Ao chegarem, os policiais perceberam que ele estava vivo, tiraram os restos de terra da boca e imediatamente o encaminharam ao Hospital. No local uma equipe policial levantou informações da localização da mãe e a encontrou num bar a algumas quadras do local e deu voz de prisão a infratora.. No hospital o recém-nascido recebeu os cuidados médicos necessários e passa bem.



A mãe está na Delegacia de Polícia Civil e até o momento não pode ser ouvida sobre os motivos que a levaram a cometer tal atrocidade pelo estado de choque em que se encontra. O recém-nascido deve ser observado pelos próximos dias no hospital e possivelmente não ficará sob os cuidados da genitora. É um menino e nasceu com 08 meses...


A senhora Lucinda é mãe de 4 filhos e esta era a 5ª gravidez. Estava casada pela 2ª vez e o filho não era deste último
.



Quando Deus quer salvar uma vida preciosa como a desse bebê, nehum ser humano é capaz de agir contra!!! Pense nisso.

4 comentários:

  1. monstra..tem que ser punida..

    ResponderExcluir
  2. é inacreditável a astúcia de um ser humano em se achar no direito tentar contra uma vida...a vida nos foi dada por DEUS e somente ele tem o direito de tocá-la...neste fato está evidente a mão de DEUS, pois o seu poder superou mais uma vez a maldade humana...que essa mulher seja punida pela justiça terrena, e se nao for...todavia não ficará impune da justiça divina

    ResponderExcluir
  3. eu quero tanto um filho e nao consigo engravidar ..e esses montros tem uma bençao de deus e faz isso com essa pobre criança isso nao é mae de jeito nenhum essa é uma monstra nao tem coraçao

    ResponderExcluir
  4. A UNICA ESPLICACAO PARATUDO ISSO E QUE O SER HUMANO ESTA CADA DIA AGINDO COMO UM ANIMAL.

    ResponderExcluir

Irmão, deixe uma mensagem!!!


"Despojemo-nos das ações das trevas e vistamos as armas da Luz" Rm 13,12
CEFAS, oriundo do nome de São Pedro apóstolo, significa também um Acróstico: Comunhão para Evangelização, Formação e Anúncio do Senhor. É um humilde projeto de evangelização através da internet, buscando levar formação católica doutrinal e espiritual.