6 de ago de 2009

Informativo Cléofas - 06/08/09

Informativo Cléofas, 06 de Agosto de 2009 - Ano IV - Número 131

Notícias do Programa Escola da Fé

+ Oito cristãos queimados vivos por extremistas islâmicos no Paquistão
+ O Papa lamenta massacre islâmico de cristãos no Paquistão
+ 29 mortas pela pílula do dia seguinte
+ Jovem estrela de futebol americano se confessa casto e emociona a imprensa
+ Incendiadas 11 igrejas em atos de violência no norte da Nigéria
+ RU 486 é abortiva e a Igreja a rejeita, precisa autoridade vaticana
+ Brasil comemora 3º Centenário de sacerdote precursor da aviação mundial
+ De cada 10 novos habitantes da Europa, 8 são imigrantes
+ Curso de ateismo
+ Pais mexicanos rejeitam cartilha que promove sexo entre menores
+ Galeria em Glasgow encoraja profanação da Bíblia
+ "Meu Anjo da guarda seguia ordens superiores", diz Bento XVI após fratura

+ Deus repete com sacerdotes o milagre da multiplicação dos pães, diz Papa
+ China tem 13 milhões de abortos por ano, diz estudo




+ leia mais

O programa Escola da Fé, é exibido toda a quinta-feira às 20h30 na TV Canção Nova (Link))


Perguntas e Respostas

+ O que a Igreja fala sobre o sexo no casamento?
+ O que dizer sobre Correntes de Oração?
+ Quem são e quais as funções dos cardeais da igreja?

+ Como ensinar a catequese hoje?

+ índice


Blog do Prof. Felipe

A PRECIOSA BÊNÇÃO DOS PAIS

Quando eu era criança, estava acostumado a pedir a bênção aos meus pais - a qualquer hora que saísse ou chegasse em casa -, naquele apressado “Bença, pai!”, “Bença, mãe!”, tão apressado que quase não ouvia a resposta. Todos nós, quando crianças, estávamos tão acostumados a pedir a bênção dos pais que, quando saíamos sem ela, parecia-nos que faltava algo à nossa segurança ou ao sucesso de nossos planos… Ao menos quatro vezes por dia eu e meus oito irmãos pedíamos a bênção a nossos pais: ao acordar, ao irmos para a escola, ao voltar da escola, e ao se deitar.

Hoje, passados os anos, tenho profunda consciência da importância da bênção dos pais na vida dos filhos. É a Sagrada Escritura que nos alerta da necessidade dessa bênção. Toda a Bíblia está repleta de passagens indicando a importância que Deus dá aos pais na vida dos filhos. Os pais são os cooperadores de Deus na criação dos filhos e, dessa forma, são também um canal aberto para que a bênção divina chegue aos filhos.

O livro do Deuteronômio registra o quarto mandamento: “Honra teu pai e tua mãe, como te mandou o Senhor, para que se prolonguem teus dias e prosperes na terra que te deu o Senhor teu Deus” (Dt 5,16). Desta forma, Deus promete vida longa e prosperidade àqueles que honram os pais. São Paulo disse que esse é “o primeiro mandamento acompanhado de uma promessa de Deus” ( Ef 6,2).

Os livros dos Provérbios e do Eclesiástico estão cheios de versículos que trazem a marca da presença dos pais. Eis um deles: “A bênção paterna fortalece a casa de seus filhos, a maldição de uma mãe a arrasa até os alicerces” (Eclo 3,11). Esse versículo mostra que a bênção dos pais (e também a maldição!) não é simplesmente uma tradição do passado ou mera formalidade social. Muito mais do que isso, a Escritura nos assegura que a bênção dos pais é algo eficaz e real, isto é, um meio que Deus escolheu para agraciar os filhos. Deus quis outorgar aos pais o direito e o poder de fazer a Sua bênção chegar aos filhos. É a forma que Deus usou para deixar clara a importância dos pais...(...)

leia mais


Livro da Semana

O Glorioso São José

O Papa Pio IX proclamou, em 8 de dezembro de 1870, São José Patrono universal da Igreja, colocando-o sob o seu patrocínio e proteção, naqueles tempos difíceis. Hoje a Igreja atravessa novamente tempos agitados, onde um laicismo anti-católico a ameaça de todos os lados, tentando-a excluir da vida pública e amordaçá-la para que não anuncie a mensagem salvadora de Nosso Senhor Jesus Cristo. As trevas do pecado e da morte, agitadas pelo Inferno, investem contra ela. Mais do que nunca precisamos recorrer a São José; pois, assim como ele soube livrar o Menino Jesus, Cabeça da Igreja, das garras assassinas de Herodes, saberá também proteger o Corpo de Cristo, a Sua Esposa Santa, das perseguições que hoje ela sofre. Precisamos conhecer a vida, as virtudes, a glória e os méritos do glorioso São José; e nos refugiarmos sob a sua poderosa proteção. Como os grandes santos da Igreja é preciso rogar: São José, valei-nos!

 

 

Ficha Técnica
Editora: Cléofas
ISBN: 978-85-88158-41-2
Ano: 2008
Edição: 1
Número de páginas: 200
Idioma: Português (BR)
Acabamento: Brochura
Formato: 14x21 cm


+ comprar


* Caso não deseje mais receber a newsletter, entre em contato e escolha o assunto "Newsletter - REMOVER"
** Veja nossas regras para a newsletter aqui.
Lançamento



Jesus Sinal de Contradição

14x21 cm - 264 páginas


Shopping Cléofas



Educar pela Conquista e pela Fé

14x21 cm - 160 páginas



Para ser Feliz

16x23 cm - 264 páginas.



© 2009 - Editora Cléofas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Irmão, deixe uma mensagem!!!


"Despojemo-nos das ações das trevas e vistamos as armas da Luz" Rm 13,12
CEFAS, oriundo do nome de São Pedro apóstolo, significa também um Acróstico: Comunhão para Evangelização, Formação e Anúncio do Senhor. É um humilde projeto de evangelização através da internet, buscando levar formação católica doutrinal e espiritual.