22 de ago de 2009

Liturgia Diária!!!

Sabado, dia 22 de Agosto de 2009
Sábado da 20ª semana do Tempo Comum

Nossa Senhora Rainha



Comentário ao Evangelho do dia feito por
Santo Isaac : «Quem se exaltar será humilhado, quem se humilhar será exaltado»

Leituras

Rute 2,1-3.8-11.4,13-17.
Noemi tinha um parente por parte do seu marido, Elimélec; era um homem
poderoso e rico, chamado Booz.
Rute, a moabita, disse a Noemi: «Por favor, deixa-me ir respigar nos campos
de alguém que queira acolher-me com bondade.» E ela respondeu-lhe: «Vai,
minha filha.»
Ela foi e entrou num campo, respigando atrás dos ceifeiros. Aconteceu que
aquele campo era propriedade de Booz, parente de Elimélec.
Booz disse a Rute: «Já ouviste, minha filha. Não vás respigar noutro campo;
não te afastes deste e junta-te às minhas servas.
Repara no campo por onde vão a ceifar e vai atrás delas. Pois ordenei aos
meus servos que não te incomodem. E se tiveres sede, vai à bilha e bebe da
água que eles tiverem trazido.»
Rute, prostrando-se por terra, disse-lhe: «Porque encontrei tal bondade da
tua parte, tratando-me como natural, a mim que sou uma estrangeira?»
Replicando, Booz disse-lhe: «Já me contaram tudo o que fizeste pela tua
sogra, depois da morte do teu marido: como deixaste o teu pai, a tua mãe e
a terra onde nasceste e vieste para um povo que há bem pouco nem conhecias.

Booz tomou, pois, Rute, que se tornou sua mulher. Juntou-se a ela e o
Senhor concedeu-lhe a graça de conceber e dar à luz um filho.
As mulheres diziam a Noemi: «Bendito seja o Senhor, que não te recusou um
parente de resgate, neste dia. Que o seu nome seja proclamado em Israel.
Ele te dará a vida e será o arrimo da tua velhice, porque nasceu um menino
da tua nora, que te ama e é para ti mais preciosa do que sete filhos.»
Noemi recebeu o menino e colocou-o no seu regaço, tornando-se a sua ama.
As suas vizinhas, congratulando-se com ela, diziam: «Nasceu um filho a
Noemi.» E deram-lhe o nome de Obed. Este foi pai de Jessé e avô de David.


Salmos 128(127),1-2.3.4.5.
Felizes os que obedecem ao SENHOR e andam nos seus caminhos.
Comerás do fruto do teu próprio trabalho: assim serás feliz e viverás
contente.
tua esposa será como videira fecunda na intimidade do teu lar; os teus
filhos serão como rebentos de oliveira ao redor da tua mesa.
Assim vai ser abençoado o homem que obedece ao SENHOR.
SENHOR te abençoe do monte Sião! Possas contemplar a prosperidade de
Jerusalém todos os dias da tua vida,


Mateus 23,1-12.
Então, Jesus falou assim à multidão e aos seus discípulos:
«Os doutores da Lei e os fariseus instalaram-se na cátedra de Moisés.
Fazei, pois, e observai tudo o que eles disserem, mas não imiteis as suas
obras, pois eles dizem e não fazem.
Atam fardos pesados e insuportáveis e colocam-nos aos ombros dos outros,
mas eles não põem nem um dedo para os deslocar.
Tudo o que fazem é com o fim de se tornarem notados pelos homens. Por isso,
alargam as filactérias e alongam as orlas dos seus mantos.
Gostam de ocupar o primeiro lugar nos banquetes e os primeiros assentos nas
sinagogas.
Gostam das saudações nas praças públicas e de serem chamados 'mestres'
pelos homens.
Quanto a vós, não vos deixeis tratar por 'mestres', pois um só é o vosso
Mestre, e vós sois todos irmãos.
E, na terra, a ninguém chameis 'Pai', porque um só é o vosso 'Pai': aquele
que está no Céu.
Nem permitais que vos tratem por 'doutores', porque um só é o vosso
'Doutor': Cristo.
O maior de entre vós será o vosso servo.
Quem se exaltar será humilhado e quem se humilhar será exaltado.


Da Bíblia Sagrada



Comentário ao Evangelho do dia feito por

Santo Isaac, o Sírio (séc. VII), monge perto de Mossul
Discursos ascéticos, 1ª série, n° 20 (a partir da trad. Touraille, DDB 1981, p. 140)

«Quem se exaltar será humilhado, quem se humilhar será exaltado»

A humildade é uma força secreta que os santos recebem quando levam a cabo
toda a ascese da sua vida. Na verdade, esta força só é dada aos que atingem
a perfeição da virtude pelo efeito da graça. [...] É a mesma força que
receberam os bem-aventurados apóstolos sob forma de fogo. Com efeito, o
Salvador tinha-lhes ordenado que não deixassem Jerusalém enquanto não
tivessem recebido a força vinda do alto (Act 2, 3; 1, 4). Jerusalém
simboliza aqui a virtude. E a força vinda do alto é o Paráclito, isto é, o
Espírito Consolador.

Ora, isso é o que a Sagrada Escritura tinha dito: os mistérios são
revelados aos humildes (Lc 10, 21). Aos humildes é concedido receber em si
este Espírito das revelações que descobre os mistérios. É por isso que
alguns santos disseram que a humildade cumula a alma nas contemplações
divinas. Portanto, que ninguém imagine que atingiu a medida da humildade só
porque em certo momento lhe ocorreu um pensamento de compunção, ou porque
derramou algumas lágrimas. [...] Mas se um homem venceu todos os espíritos
adversos [...], se derrubou e submeteu todas as fortalezas dos inimigos e
se, então, sentiu que recebeu essa graça, quando «o Espírito der testemunho
ao seu espírito», como diz o apóstolo Paulo (Rom 8, 16), aí temos a
perfeição da humildade. Bem-aventurado aquele que a possui. Porque em todo
o momento abraça o seio de Jesus (cf Jo 13, 25).




Gerir directamente o seu abono (ou a sua subscrição) neste endereço : www.evangelhoquotidiano.org


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Irmão, deixe uma mensagem!!!


"Despojemo-nos das ações das trevas e vistamos as armas da Luz" Rm 13,12
CEFAS, oriundo do nome de São Pedro apóstolo, significa também um Acróstico: Comunhão para Evangelização, Formação e Anúncio do Senhor. É um humilde projeto de evangelização através da internet, buscando levar formação católica doutrinal e espiritual.