4 de set de 2009

Liturgia Diária!!!

Sexta-feira, dia 04 de Setembro de 2009
Sexta-feira da 22ª semana do Tempo Comum

Santa Rosa de Viterbo, virgem, +1252, Nossa Senhora Consoladora



Comentário ao Evangelho do dia feito por
Santo Agostinho : «Enquanto o esposo está com eles»

Leituras

Coloss. 1,15-20.
É Ele a imagem do Deus invisível, o primogénito de toda a criatura;
porque foi nele que todas as coisas foram criadas, no céu e na terra, as
visíveis e as invisíveis, os Tronos e as Dominações, os Poderes e as
Autoridades, todas as coisas foram criadas por Ele e para Ele.
Ele é anterior a todas as coisas e todas elas subsistem nele.
É Ele a cabeça do Corpo, que é a Igreja. É Ele o princípio, o primogénito
de entre os mortos, para ser Ele o primeiro em tudo;
porque foi nele que aprouve a Deus fazer habitar toda a plenitude
e, por Ele e para Ele, reconciliar todas as coisas, pacificando pelo sangue
da sua cruz, tanto as que estão na terra como as que estão no céu.


Salmos 100(99),1-5.
Aclamai o SENHOR, terra inteira,
servi ao SENHOR com alegria, vinde à sua presença com cânticos de júbilo!
Sabei que o SENHOR é Deus; foi Ele quem nos criou e nós pertencemos lhe,
somos o seu povo e as ovelhas do seu rebanho.
Entrai pelas suas portas em acção de graças; entrai nos seus átrios com
hinos de louvor; glorificai-o e bendizei o seu nome.
O SENHOR é bom! O seu amor é eterno! É eterna a sua fidelidade!


Lucas 5,33-39.
Disseram-lhe eles: «Os discípulos de João jejuam frequentemente e recitam
orações; o mesmo fazem também os dos fariseus. Os teus, porém, comem e
bebem!»
Jesus respondeu-lhes: «Podeis vós fazer jejuar os companheiros do esposo,
enquanto o esposo está com eles?
Virão dias em que o Esposo lhes será tirado; então, nesses dias, hão-de
jejuar.»
Disse-lhes também esta parábola: «Ninguém recorta um bocado de roupa nova
para o deitar em roupa velha; aliás, irá estragar-se a roupa nova, e também
à roupa velha não se ajustará bem o remendo que vem da nova.
E ninguém deita vinho novo em odres velhos; se o fizer, o vinho novo rompe
os odres e derrama-se, e os odres ficarão perdidos.
Mas deve deitar-se vinho novo em odres novos.
E ninguém, depois de ter bebido o velho, quer do novo, pois diz: 'O velho é
que é bom!'»


Da Bíblia Sagrada



Comentário ao Evangelho do dia feito por

Santo Agostinho (354-430), Bispo de Hipona (Norte de África) e Doutor da Igreja
Sermões sobre a primeira carta de São João, I, 2 (a partir da trad. de SC 75, p. 115)

«Enquanto o esposo está com eles»

São João escreve: «Nós vimo-la, dela damos testemunho» (1Jo 1, 2). Onde a
viram eles? Na sua manifestação. Como foi a sua manifestação? Foi sob o
sol, por outras palavras, a esta luz visível. Mas poderíamos nós ver Quem
fez o sol à luz do mesmo sol se Ele não tivesse feito «lá no alto, uma
tenda para o sol, donde sai, como esposo do seu leito, a percorrer
alegremente o seu caminho» [Sl 19 (18), 6]? Verdadeiro Criador, Ele é
anterior ao sol, precedeu a estrela da manhã, todos os astros e todos os
anjos porque «por Ele é que tudo começou a existir e sem Ele nada veio à
existência» (Jo 1, 3). Querendo que O víssemos com os nossos olhos de carne
que vêem o sol, montou a Sua tenda debaixo do sol, quer dizer, mostrou-Se
na carne manifestando-Se a esta luz terrestre e o tálamo deste esposo foi o
seio da Virgem.

Porque neste seio virginal uniram-se os dois, o esposo e a esposa, o Verbo
esposo e a carne esposa. Como está escrito: «os dois serão uma só carne»
(Gn 2, 24); e o Senhor disse no Evangelho: «Portanto já não são dois, mas
um só» (Mt 19, 6). Isaías exprime melhor como esses dois se tornam um
quando, falando em nome de Cristo, diz: «Como um noivo que cinge a fronte
com o diadema, e como a noiva que se adorna com as suas jóias» (61, 10).
Parece ser um único indivíduo a falar e apresenta-se alternadamente como
esposo e como esposa. Não são dois, mas uma só carne, porque «o Verbo
fez-se homem e veio habitar connosco» (Jo 1, 14). A esta carne se une a
Igreja e forma-se o Cristo total, cabeça e corpo (Ef 1, 22-23).




Gerir directamente o seu abono (ou a sua subscrição) neste endereço : www.evangelhoquotidiano.org


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Irmão, deixe uma mensagem!!!


"Despojemo-nos das ações das trevas e vistamos as armas da Luz" Rm 13,12
CEFAS, oriundo do nome de São Pedro apóstolo, significa também um Acróstico: Comunhão para Evangelização, Formação e Anúncio do Senhor. É um humilde projeto de evangelização através da internet, buscando levar formação católica doutrinal e espiritual.