10 de dez de 2010

AUMENTA O NÚMERO DE POBRES NO MUNDO


◊   Genebra, 29 nov (RV) - O número de pessoas que vive em extrema pobreza aumentou em três milhões por ano na última década, atingindo os 421 milhões em 2007, duas vezes mais do que em 1980, segundo a ONU. Os dados fazem parte do relatório de 2010 da Conferência das Nações Unidas para o Comércio e Desenvolvimento (CNUCED) sobre os países mais pobres do mundo.

Com o título “Rumo a uma Nova Arquitetura Internacional do Desenvolvimento para os PMAs” (países menos avançados), o documento divulgado nestes dias em Genebra vem à luz a poucos meses da conferência da ONU sobre os países mais pobres, que se realizará em maio de 2011, em Istambul.

O relatório faz um balanço de dez anos da evolução dos 49 países mais pobres do mundo, na sua maioria africanos, como Angola, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. O texto salienta que embora estes países tenham resistido à recessão, estão ainda imersos em ciclos de crescimento e retração. O documento sugere que devem se modernizar e diversificar as suas economias para reduzir a pobreza de forma sustentável.

No período de maior expansão, de 2002 a 2007, “o rápido crescimento econômico traduziu-se somente numa fraca redução da pobreza”, diz o relatório, que estima que 53% da população total dos PMAs vivia na pobreza extrema em 2007.

“São poucos os países que estão no caminho para conseguir o objetivo de reduzir à metade a pobreza extrema até 2015”, diz o relatório, que caracteriza o crescimento dos 49 países, na última década, como “não sustentável” e “não inclusivo”.

Destaca ainda o relatório que os países menos avançados enfrentam um quadro de médio prazo difícil, com baixos níveis de investimento e fraco desenvolvimento financeiro, dependendo dos níveis de recuperação do resto do mundo e do aumento de apoios de doadores. (SP)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Irmão, deixe uma mensagem!!!


"Despojemo-nos das ações das trevas e vistamos as armas da Luz" Rm 13,12
CEFAS, oriundo do nome de São Pedro apóstolo, significa também um Acróstico: Comunhão para Evangelização, Formação e Anúncio do Senhor. É um humilde projeto de evangelização através da internet, buscando levar formação católica doutrinal e espiritual.