9 de nov de 2011

Informativo Cléofas - 09/11/2011

Informativo Cléofas, 09 de novembro de 2011 - Ano VI - Número 195

Notícias do Site Cléofas

 

+Estatísticas da Igreja Católica

+Em Paris, protestos contra peça teatral na qual crianças atiram objetos em imagem de Jesus Cristo

+ Pessoas felizes reduzem risco de morte em até 35%

+México estuda legalizar o casamento com prazo para evitar gastos com divórcio

+    Perito norte-americano: não existem leis internacionais que garantam o aborto como direito

+ Casal espanhol "surpreso e abençoado" pela vocação religiosa de suas cinco filhas

+ Santuário acolhe Cruz dos Jovens e o ícone de Nossa Senhora na 3a. Romaria da Juventude

+ Rebeldes católicos desafiam bispos austríacos

+ Comunicado da Santa Sé: Reunião do Conselho especial para a América

Conheça também o documento da Igreja:

+Exortação Apostólica pós-sinodal Verbum Domini do Papa Bento XVI (Parte 3)

+Exortação Apostólica pós-sinodal Verbum Domini do Papa Bento XVI (Parte 4)

O programa Escola da Fé, é exibido toda quinta-feira às 20h40 na TV Canção Nova (Link)


Para Meditar...


Amizade verdadeira

 

Na guerra, um dos soldados disse ao seu superior:- Senhor, meu amigo ainda não regressou do campo de batalha. Solicito permissão para ir buscá-lo.

Permissão negada,  respondeu o oficial, não quero que você arrisque a vida por um homem que provavelmente está morto.

O soldado, desconsiderando a proibição, saiu, e uma hora mais tarde regressou mortalmente ferido, transportando o cadáver de seu amigo.
O oficial ficou furioso.

 Eu te disse que ele já estava morto! Agora, por causa da sua indisciplina, eu perdi dois homens!  Me diga, valeu a pena ir até lá para trazer um cadáver?
E o soldado, moribundo, respondeu:

 Claro que sim, Senhor! Quando eu encontrei o meu amigo, ele ainda estava vivo e pôde me dizer: "Eu tinha certeza que você viria!"

  (autor desconhecido)

Pensamento: "Amigo é aquele que chega quando todo mundo já se foi".

 


Pergunte e Responderemos

O que é incorrupção dos corpos?

 

Transcrevemos a seguir um interessante artigo do padre Oscar González Quevedo (Fonte: Lista "Reflexões" - www.veritatis.com.br) sobre corpos de santos que não se corromperam após a morte.

No livro do Eclesiastes, se lê esta frase: "Lembra-te que és pó. E ao pó retornarás". Além de lembrar ao homem sua condição perecível e transitória, esta sentença recorda a aniquilação física, a decomposição do organismo, após a morte. A realidade é constatada quase universalmente. Digo quase universalmente, por se darem exceções, embora raríssimas, de não decomposição física. Exceção esta conhecida pelo nome de Incorrupção. A Incorrupção é a preservação do corpo humano da deteriorização que comumente afeta todo organismo poucos dias após a morte. É evidente que são excluídas as mumificações, as saponificações e outros processos químicos de preservação dos corpos dos mortos; pois seriam incorrupções artificiais.

O primeiro documento de autenticidade indiscutível que relata uma Incorrupção, data do século IV e é redigido por Paulino, secretário de Santo Ambrósio, Bispo de Milão: este documento é redigido em forma de carta dirigida ao Bispo de Hipona, Santo Agostinho. Paulino descreve o descobrimento feito por Ambrósio: "Por este tempo, ele (Ambrósio) encontrou o corpo do mártir Nazário que se encontrava enterrado num jardim fora da cidade de Milão; recolheu o corpo e o transladou para a Basílica dos Apóstolos. No túmulo foi encontrada a cabeça que fora decepada pelos inimigos, em perfeito estado, como se tivesse apenas sido colocada junto ao corpo, do qual emanava sangue vivo e uma fragrância que superava todos os perfumes". Tinham transcorrido 200 anos do martírio.
Mais preciso e mais digno de crédito é o relato de Eugippius acerca do corpo de São Severino, bispo de Noricum, morto em 482. Seis anos após sua morte, o corpo foi encontrado incorrupto.
(...)

+Leia mais


 

 

Blog do Prof. Felipe Aquino

 

Cultive as boas amizades

Uma amizade só é verdadeira se baseada na fidelidade

Não preciso falar aqui da importânica de cultivar as boas amizades para ser feliz. Milan Kundera diz que “toda amizade é uma aliança contra a adversidade, aliança sem a qual o ser humano ficaria desarmado contra seus inimigos. Os amigos recentes custam a perceber essa aliança, não valorizam ainda o que está sendo contraído. São amizades não testadas pelo tempo, não se sabe se enfrentarão com solidez as tempestades ou se serão varridos numa chuva de verão.”

A verdadeira amizade nos socorre quando menos esperamos! Podemos esquecer aquele com quem rimos muito, mas nunca nos esqueceremos daqueles com quem choramos. Os corações que as tristezas unem permanecem unidos para sempre.

Na prosperidade, os verdadeiros amigos esperam ser chamados; na adversidade, apresentam-se espontaneamente. A fortuna faz amigos. A desgraça prova se eles existem de fato. É preciso saber fazer e cultivar amizades. Isso depende de cada um de nós; antes de tudo, do nosso desprendimento e fidelidade ao outro. Para conquistar um amigo é preciso criar um “deserto” dentro de si, aceitando que o outro venha ocupá-lo..(...)

+Leia mais


Livro da Semana

A IGREJA


A Igreja é um projeto nascido no coração do Pai, prefigurada desde a origem do mundo, preparada na Antiga Aliança, instituída por Jesus Cristo, manifestada pelo Espírito Santo em Pentecostes; é o Corpo de Cristo, a Esposa do Cordeiro, o Templo do Espírito Santo, o Povo de Deus, enfim, o “Sacramento Universal da Salvação” e o mistério e sinal da íntima união dos homens com Deus (cf. Catecismo n. 759 a 797).

O pedido dos nossos Pastores neste novo milênio é para “Ser Igreja”. Antes de tudo, então, é preciso conhecê-la, sem o que não será possível amá-la e serví-la como convém. E ninguém melhor do que o próprio Papa para nos ensinar quem é esta Mãe que nos gera para a vida eterna.

Neste livro você tem 51 Catequeses que o Santo Padre ministrou sobre a Igreja, de maneira sistemática, completa e profunda. Beba desta autêntica eclesiologia.


Ficha Técnica
Editora: Cléofas
ISBN: 85-86283-15-0
Ano: 2004
Edição: 2
Número de páginas: 216
Idioma: Português (BR)
Acabamento: Brochura
Formato: 14x21 cm

 


 


* Caso não deseje mais receber a newsletter, entre em contato e escolha o assunto "Newsletter - REMOVER".
Lançamentos



Por que confessar? Como confessar?

11x18 cm - 88 páginas

Como preparar-se bem para comungar
11x18 cm - 136 páginas



Shopping Cléofas



A Moral Católica
14x21 cm - 200 páginas



A Intercessão e o culto dos santos
14x21 cm - 144 páginas


Ciência e Fé em harmonia
14x21 cm - 304 páginas


_______________________________

 

 


© 2011 - Editora Cléofas

</

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Irmão, deixe uma mensagem!!!


"Despojemo-nos das ações das trevas e vistamos as armas da Luz" Rm 13,12
CEFAS, oriundo do nome de São Pedro apóstolo, significa também um Acróstico: Comunhão para Evangelização, Formação e Anúncio do Senhor. É um humilde projeto de evangelização através da internet, buscando levar formação católica doutrinal e espiritual.