3 de nov de 2011

O Windows 8 dispensará o uso de antivírus?

O Windows 8 trará, por padrão, um Windows Defender anabolizado com funcionalidades do Microsoft Security Essentials, o antivírus da Microsoft. A novidade, no entanto, divide opiniões: quais seriam os benefícios de um sistema de proteção padrão e seus possíveis males?

O pessoal do Windows Técnico identificou o novo antivírus padrão do Windows rodando e consumindo muito pouco desempenho – ponto positivo para Microsoft. Para o usuário, também é interessante a aplicação de um antivírus padrão neste que é o sistema operacional mais utilizado no mundo. Com uma ampla base de usuários, o volume de dados coletados para aprimorar o sistema de segurança pode ajudar e em muito no combate a novas pragas. Além disso, amplia-se a capacidade de estudar a multiplicação de novos vírus.

Por outro lado, aqueles que se dedicam a desenvolver tais arquivos maliciosos precisariam driblar apenas um tipo de contramedida de segurança. Tendo apenas que encontrar e se aproveitar de falhas de somente um antivírus, tomado como padrão nos computadores, é possível que o "trabalho" desses programadores diminuísse. Em vez de precisar preocupar-se com dezenas de antivírus diferentes, bastaria observar o comportamento de um.

Em relação ao mercado de softwares de segurança, não houve reações muito agressivas. Ao contrário de reclamar de monopólio da Microsoft e de exaltarem temor pela perda de mercado por conta da solução de segurança do novo Windows 8, algumas desenvolvedoras se mostraram bastante calmas. A McAfee, inclusive, divulgou em matéria da PC World que colabora com a Microsoft no desenvolvimento do Microsoft Security Essentials. Talvez a exceção fique por conta da Sophos, que publicou uma análise em que dizia que o novo sistema de antivírus nativo seria insuficiente para manter a máquina protegida.

E para você? O que é melhor um bom antivírus pré-instalado no sistema ou o mercado recheado de soluções diferentes de hoje?

Fonte: TechTudo (Filipe Garrett)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Irmão, deixe uma mensagem!!!


"Despojemo-nos das ações das trevas e vistamos as armas da Luz" Rm 13,12
CEFAS, oriundo do nome de São Pedro apóstolo, significa também um Acróstico: Comunhão para Evangelização, Formação e Anúncio do Senhor. É um humilde projeto de evangelização através da internet, buscando levar formação católica doutrinal e espiritual.