7 de fev de 2012

Senador de MT quer convocação de ministro e faz duro ataque

Fonte: Só Notícias/Alex Fama (foto: Geraldo Magela/arquivo)

O senador mato-grossense Pedro Taques (PDT) comparou a indicação do ex-diretor da Casa da Moeda Luiz Felipe Denucci, à colocação de "um dos Irmãos Metralhas para tomar conta do cofre do Tio Patinhas". A comparação do senador é uma referência aos bandidos dos quadrinhos da Disney famosos por tentar roubar o dinheiro do milionário personagem. A declaração foi feita durante um aparte ao discurso do senador Aloysio Nunes (PSDB-SP) que comentava o assunto na tribuna do Senado Federal, ontem à tarde.

"Parece-me que colocaram um dos metralhas para tomar conta do cofre do Tio Patinhas. Não é isso? Sem fazer prejulgamento, o que já saiu na imprensa mostra que essa instituição, que é secular, instituição republicana, que foi instituição monárquica e colônia, está sendo arrombada - o termo é exatamente esse - em nome dessa chamada governabilidade, que não passa - essa governabilidade - de um eufemismo para o clientelismo, para a cooptação".

Taques ainda disse que as instituições do governo estão sendo repartidas politicamente no atual governo. "Daqui a pouco, quem sabe, a Polícia Federal vai ser de determinado partido, o Ministério Público vai ser de outro partido, a Receita Federal, de outro partido. Nós chegaremos a esse ponto se não nos atentarmos para esse fato".

No final de sua fala, ele defendeu que o ministro da Fazenda, Guido Mantega, dê explicações no Congresso Nacional, principalmente, pelas informações na imprensa nacional de que sabia das irregularidades na Casa da Moeda e nada fez. "O ministro tem obrigação de dizer ao Congresso Nacional, a esta Casa, porque laborou assim, ou porque não agiu de outra forma. Tem a obrigação de prestar contas à sociedade brasileira. Nós já tingimos com cores não republicanas instituições sérias como os Correios, por exemplo, e agora, mais uma vez, há outra situação parecida àquela dos Correios com a Casa da Moeda".

Denucci foi demitido depois da denúncia de que teria recebido propina de fornecedores da Casa da Moeda por meio de duas empresas no exterior em nome dele e da filha. Subordinado ao ministro da Fazenda, Denucci teria sido nomeado por indicação do PTB. O PTB, no entanto, diz que o ex-diretor da instituição foi escolhido pelo próprio ministro. Mantega deve ir ao Congresso prestar esclarecimentos sobre as denúncias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Irmão, deixe uma mensagem!!!


"Despojemo-nos das ações das trevas e vistamos as armas da Luz" Rm 13,12
CEFAS, oriundo do nome de São Pedro apóstolo, significa também um Acróstico: Comunhão para Evangelização, Formação e Anúncio do Senhor. É um humilde projeto de evangelização através da internet, buscando levar formação católica doutrinal e espiritual.