29 de mar de 2013

Sexta-feira da Paixão


Significado:

A Sexta-feira da Paixão, dia da Morte de Nosso Senhor Jesus Cristo, é o único dia em que não há Santa Missa no calendário cristão. Os fiéis são convidados a refletir o sacrifício do Senhor – que foi morto por causa de nossos pecados. Silêncio, jejum e oração marcam este dia, em que a Igreja lembra a paixão e morte de Jesus.

A Celebração:

Divide-se em três partes: a proclamação da Palavra de Deus, apresentação e adoração da cruz e a comunhão. A Comunhão na Sexta-feira Santa foi introduzida com a reforma litúrgica de Pio XII, em 1955. No mais, conservou a maior parte dos costumes anteriores.

Mais tarde, com o Concílio Vaticano II aconteceram profundas modificações na liturgia. A celebração já fora fixada para a parte da tarde (na hora em que se acredita que Jesus tenha morrido). Havia também a possibilidade de se fazer a liturgia da Palavra na parte da manhã, deixando para tarde a veneração da cruz e a comunhão. Os motivos pastorais, no entanto, exigiram que se fizesse uma só cerimônia, para não obrigar as pessoas a reunirem-se duas vezes no mesmo dia.

A Liturgia da Palavra:

Tem um dos elementos mais antigos da Sexta-feira Santa, que é a grande Oração Universal, com dez intenções que procuram abranger todas as necessidades e todas as realidades da humanidade.

Coleta 

Os católicos de todo o mundo são convidados, nesta Sexta-feira Maior, a ajudar as comunidades da Terra Santa. Por disposição dos Papas, a Igreja dedica este dia à oração e a "coleta" para a comunidade católica da Terra Santa e para a manutenção dos Lugares Santos. Paulo V, em 22 de janeiro de 1618, determinou, pela primeira vez, a finalidade desta coleta.

Fonte: http://noticias.cancaonova.com/noticia.php?id=272708

Haverá Celebração da Paixão do Senhor na Matriz São José às 15 horas, bairro São José, Guarapari-ES.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Irmão, deixe uma mensagem!!!


"Despojemo-nos das ações das trevas e vistamos as armas da Luz" Rm 13,12
CEFAS, oriundo do nome de São Pedro apóstolo, significa também um Acróstico: Comunhão para Evangelização, Formação e Anúncio do Senhor. É um humilde projeto de evangelização através da internet, buscando levar formação católica doutrinal e espiritual.