26 de mai de 2016

Sobre o livro "Não, sr. comuna!"




Irmãos, este livro é altamente recomendável a todos os cristãos para que algumas mentiras e mitos que nos ensinaram sejam desmascaradas.

O livro é um "Guia para desmascarar as falácias esquerdistas" e o cumpre muito bem, porque não retruca as ideologias com outra ideologia, mas com dados históricos e estatísticos reais que se exige da maioria das questões.

Há um plano claro de implantação do socialismo em voga em nosso país, conforme seus próprios articuladores tem anunciado. Se tais articuladores fossem meros sonhadores, não traria problemas, mas o fato grave é que eles já estão no poder e em cargos estratégicos em vários pontos de nossa sociedade. E a esquerda globalista atual tem uma agenda de fidelidade à Nova Ordem Mundial, ainda não constituída oficialmente, mas que, por trás dos panos, age unida, conforme já disse aqui na análise do livro "Introdução à Nova Ordem Mundial". 

Paralelamente a isso temos o patrocínio das idéias da Nova Era, que tem a missão de substituir a "hegemonia" do cristianismo na sociedade ocidental. Sobre os perigos reais da Nova Era sendo infiltrada na nossa cultura atual para enfraquecer o cristianismo recomendo a leitura do livro que também comentei aqui, "Nova Era", que é um Documento Oficial do Vaticano feito pro vários organismos juntos.

Voltando então ao comentário do nosso livro, ele desmascara várias idéias que muitos de nós acreditam pois são ensinadas nas escolas por professores doutrinados pela esquerda e disseminados pela mídia também cooptada pelo ideal socialista que não passa de um sonho utópico impossível de implantação.

Mas você pode dizer, "ha, eu não vou me meter nisso, pois não gosto de política! quero só as coisas de Deus e que me interessam...".
Irmão, me desculpe, mas esse pensamento é muito egoísta. Veja o que o Papa Francisco diz a respeito dos cristãos e a política:

«Envolver-se na política é uma obrigação para um cristão», disse Papa Francisco ao responder a perguntas colocadas por algumas das nove mil crianças e jovens de escolas e movimentos Jesuítas com quem se encontrou no Vaticano. Os cristãos não podem «fazer-se de Pilatos, lavar as mãos»: «Devemos implicar-nos na política, porque a política é uma das formas mais elevadas da caridade, visto que procura o bem comum», frisou Francisco. «Os leigos cristãos devem trabalhar na política. Dir-me-ão: não é fácil. Mas também não o é tornar-se padre. A política é demasiado suja, mas é suja porque os cristãos não se implicaram com o espírito evangélico. É fácil atirar culpas... mas eu, que faço? Trabalhar para o bem comum é dever de cristão», apontou.

Isso sem falar no que disse os outros Papas e a Doutrina Social da Igreja... pode ser chato, mas não podemos nos omitir. Temos uma má política porque nos omitimos de participar, exigir, cobrar, entender e até colaborar diretamente, isso depende do chamado de cada um.

O incrível é que o livro desmonta 23 teses da esquerda, e descobri que em várias delas eu acreditei e não  me lembro quando me foi ensinado assim, parece que já estava no meu inconciente... ou será que está num tipo inconciente coletivo nosso? Porque será? Será as influências subliminares culturais de que somos vítimas hoje pela mídia entre outros meios?

Vou listar aqui algumas das mentiras principais. Se você acredita em várias delas, você precisa ler este livro urgente...rs:

MENTIRAS:

"No capitalismo os ricos ficam cada vez mais ricos e os pobres cada vez mais pobres"

"O nazismo não foi de esquerda"

"O governo tem que aumentar de vez o salário mínimo para um valor bem maior"

"A educação no Brasil não tem viéis ideológico"

"Alguns artistas são esquerdistas porque se preocupam com os menos favorecidos"

"Economia é jogo de soma zero. Para alguém ganhar, outro deve perder. Os pobres são pobres porque os ricos são ricos."

"Nas ditaduras da história não houve um verdeiro socialismo"

"O capitalismo tira a liberdade das pessoas"

"A Revolução Industrial na Inglaterra piorou a vida de mulheres e crianças"

"A culpa da inflação é dos empresários que aumentam os preços dos produtos e serviços"

"A solução para a educação é maior investimento de dinheiro nela"

"O PT não quer o socialismo"

"O PSDB é um partido liberal de direita"

Isso é só uma amostra. Há muito mais informações. E o que me fez gostar ainda mais do livro é que ele aborda de forma simples, sem aquele linguajar teórico complexo de entendimento pela maioria. É muito fácil de entendimento por todos e o livro tem uma estética agradável com algumas figuras que retratam cada tema específico.

Recomendo, pois sabemos os males que estas ideologias tem feito ao influenciar nossos jovens nas escolas roubando deles a verdadeira fé e o verdadeiro valor da política tal como foi construída em milênios de pensamentos e ações.

Recomendo assistirem os 8 vídeos disponíveis no youtube do programa "Talk Show com Evandro Sinotti", o autor do livro, um programa de entrevistas e debates políticos que foi ao ar em 2014:

https://www.youtube.com/channel/UCou8RLI69bMShhe_ziija-Q/videos

E também o canal do autor do livro no Youtube:

https://www.youtube.com/channel/UCiYbxOAS_IOJhCXGVRs81lw/videos

Recomendo também o curso do Padre Paulo Ricardo: Curso Marxismo e Revolução Cultural

https://padrepauloricardo.org/aulas/visao-historica



Para terminar gostaria de citar alguns sites a respeito de política que considero de confiança:

 http://www.mises.org.br/

http://www.midiasemmascara.org/

http://omarxismocultural.blogspot.com.br/

Há muito mais sites lúcidos para nos desintoxicar das mentiras da mídia em voga. Um meio mais fácil para acompanhar as notícias dos sites principais eu recomendo acompanhar um canal excelente no Telegram, que é o Filosofando. Tenha o telegram instalado no seu celular ou PC e acesse o link abaixo:

https://telegram.me/filosofando


Deus nos abençoe, nos dê sabedoria para entender, coragem para denunciar os erros e amor para levar os irmãos à verdade que é Cristo!


22 de mai de 2016

Livro "O Diário do Silêncio" e outras experiências...



Irmãos, Shalom!
Quero compartilhar aqui mais uma experiência de leitura. Este livro maravilhoso "O Diário do Silêncio" me arrancou lágrimas e dias e dias de reflexão, pensamentos, revendo a vida e muitas peculiaridades da nossa pequenina lida diária.


NOSSA SENHORA DA GRAÇA

O livro, escrito de forma formidável pela Ana Lígia Lira, traz relatos históricos e documentais sobre os fatos que circundaram a aparição de Nossa Senhora da Graça em Pernambuco em 1936, Brasil.

Esta aparição de Nossa Senhora não tem nada de extravagante, mas é cheia de sinais extraordinários e simples ao mesmo tempo. A simplicidade, a humildade, a pequenez, o escondimento, o silêncio circundam todos os acontecimentos. Não venha ler com curiosidade sensacionalista, mas venha com o espírito de Maria, assim como ela o fez nos evangelhos: uma Mulher de poucas palavras e grandes sinais, que guardou todos os mistérios de Deus em seu coração...

Gostaria de ressaltar alguns ensinamentos de Nossa Senhora que pra mim foram as mais marcantes no livro:


  • Nossa Senhora disse que o comunismo viria para o Brasil como sinal de um grande mal, um grande castigo. Que para evitá-lo dever-se-ia todos fazer penitência e rezar muito.



  • Sangue seria derramado no Brasil, mas a Igreja não seria vencida.



  • A devoção recomendada por ela é ao Sagrado Coração de Jesus e ao Imaculado Coração de Maria.



  • Nossa Senhora quis dizer algo a respeito de um período de tempo de dois séculos. Não sabemos o quê.


Irmãos, está claro a característica da mensagem ser a mesma em várias outras aparições de Nossa Senhora em toda a história. Uma das coisas marcantes é a mensagem central da necessidade de oração e penitência.

Outra coisa interessante é a insistência do céu de nos alertar dos males terríveis do comunismo. Algo que deixa alguns se mordendo de raiva. Mas parece que Nossa Senhora não está brincando com relação a isso. É algo impossível de se ignorar ou de se ir contra.

Tivemos no Brasil a tentativa de implantação da ditadura comunista na década de 60/70. E atualmente estamos vendo a implantação do pensamento comunista nas instituições de ensino, na cultura, em alguns movimentos da igreja entre outros. O desafio atual é a infiltração de forma subliminar, o que oferece até maior risco, pois deixa todos envolvidos sorrateiramente na teia deste grande mal, nesta grande mentira de satanás nestes tempos finais.

Todos estamos contaminados de alguma forma e vemos cada dia que passa, o arrefecimento da fé, a frieza das relações, o uso da pessoas e o abandono do verdadeiro amor, da verdadeira doação ao próximo, uma infidelidade às verdades fundamentais do depósito sagrado da fé, a destruição da instituição familiar e a desvalorização da vida, seja no ventre das mães, seja dos indefesos doentes e idosos. Vemos a promiscuidade, a prostituição tornando-se lei. A castidade virou um mito e o sexo desregrado uma norma.

A coisa é grave. O pior é que tudo isso não aconteceu fruto de um desenvolvimento aleatório do comportamento da sociedade. Segundo registro claros, temos filósofos e ideólogos do comunismo arquitetando todo um plano desde há muito anos que cumpriu-se à risca (coincidência?) nos mínimos detalhes com o apoio da mídia, grandes organismos mundiais, instituições e outras religiões.

Futuramente trarei aqui toda uma bibliografia existente que denuncia claramente tudo isso. Uma bibliografia, não de "teóricos da conspiração", mas formada por pessoas de grande respeito trazendo conteúdos sólidos e históricos incontestáveis. Como já dizem, "contra fatos não há argumentos".


O PODER DA ABNEGAÇÃO

Mas eu gostaria de alertar para algo que mais me tocou neste livro que é algo bem diferente de tudo que falei até aqui. O que mais me tocou foi a vida simples do Padre José Kehrle, o que acompanhou de perto todos os fatos desta aparição. A narração da Ana Lígia da sua chegada na pequenina cidade onde ele foi "isolado", sua vida simples, seu amor a Deus e Nossa Senhora, sua fidelidade, mesmo em isolamento, sua humildade, seu esforço por construir uma cidade melhor, com água, uma congregação, uma igreja decente... isso me fez derramar muitas lágrimas...

A vida simples desse homem de Deus me tocou sobremaneira. Comecei a notar quantas pessoas que trabalham no escondimento e fazem muito, muito, muito mais do que outros que estão nos holofotes. Pensei em tantas mulheres que se doam aos filhos, à casa, dão o sangue, na maioria das vezes muito mais que os homens... Essa vida de mortificação, penitência, escondimento, oblação é acolhida por Deus e receberá uma recompensa mil vezes melhor do que todo o apostolado feito no meio da luzes e holofotes. Não estou desmerecendo os trabalhos missionários que estão à vista, no clima do sucesso, apenas estou dizendo que a doação feita no escondimento será recompensada totalmente por Deus, algumas vezes só na outra vida, e Deus é extraordinariamente justo e recompensador.

Irmãos, participei de um aprofundamento de dons este final de semana e me derramei em lágrimas ao ver, por exemplo, um amigo e irmão meu pregando, o Fabrício. E pensei que pra ele estar ali em missão, nas reuniões do núcleo e outras coisas, tem uma esposa dando suporte por tràs, cuidando das filhas, que deu a vida e dá para ele ser um homem de Deus; ao vê-lo, pensei na minha vida, em quantas vezes minha esposa deu sua vida pelos nosso filhos e por mim, pensei em tantos outros missionários homens e mulheres. Pensei também nas donas de casa mais simples que se doam porque seus maridos a deixaram, que dão a vida para cuidar dos filhos e ainda tentar arrumar sustento para casa.

Quando já estava assim em meditação destas situações da vida que nos impactam profundamente, minha amiga Sandra dá seu testemunho de vida que reflete tudo isso que disse até aqui. Uma vida de cruz, se doando para missão, tentando criar seu filho com todo amor e atenção, apesar do marido a ter deixado, perdeu a mãe, e cuidando do pai que tinha acabado de descobrir um câncer... tendo também que trabalhar fora entre outras coisas que todos nós testemunhamos por aí em muitas "mártires".

Pessoas abnegadas no meio de uma sociedade egoísta e hedonista. São pessoas simples, cheia de defeitos, mas que tais fraquezas são eclipsadas pelo grande amor, doação, oblação de amor de suas vidas a favor do próximo...

É, irmãos... Deus nos fala de forma fortíssima... basta ter ouvidos para ouvir... basta olhar com mais amor ao seu redor...

Me desculpem o desabafo, mas peço a Deus que o Padre José Kehrle possa interceder por nós. Peço a ele, que com certeza está lá ao lado de Nossa Senhora, ele que faleceu 17 dias antes do meu nascimento, possa interceder por mim e por quem estiver lendo este texto para que possamos ser mais desprendidos, amorosos, simples, dedicados, abnegados para com Deus, os desígnios do céu, para o outro, os mais pobres e necessitados ao nosso redor, que precisam de algo que nós possamos dar.

Só peço isso, mas nada. Sei que se fizer isso, posso viver no escondimento o resto da minha vida, só não posso uma coisa: deixar de amar!

Obrigado, Deus,
Obrigado, minha Mãe do céu,
Obrigado, minha mãe da terra,
Obrigado, minha esposa,
Obrigado, Padre Kehrler,
Obrigado, Cristiane Torrente,
Obrigado, Ana Lígia,
Obrigado a todas as pessoas que são exemplos de humildade para nós...



Deixo aqui neste final um vídeo que o Padre Paulo Ricardo fez sobre estas aparições:





Shalom, Deus nos abençoe!

21 de mai de 2016

A Nova Era


Shalom, irmãos!
Gostaria de comentar mais um livro que li e foi muito significativo para mim.

INTRODUÇÃO
Antes de tudo, gostaria de citar que esta temática tem tudo haver com minha vida. Desde 1995, quando tivemos acesso às conspirações do movimento Nova Era para destruir o cristianismo de forma planejada, cultural e politicamente, montamos um material para divulgação.
Íamos em Igrejas, grupos, escolas, aonde fôssemos chamados, para palestrar sobre o movimento Nova Era, sua história, objetivos e o contraste com a doutrina cristã.
Fomos não só bem recebidos, como fomos convidados para ir em muitos outros lugares, tal a importância do assunto e interesse das pessoas.
Alguns achavam que era teoria da conspiração e que tudo aquilo era um exagero. A maioria não. A grande questão é que não pregávamos teorias, mas fatos históricos comprovados.
E assim é este tema. Apesar de haver muita teoria, tudo é parte de um plano sim muito bem registrado e divulgado pelos que acreditam nisso.

ATUALIDADE
Mas, passados 10 anos, essas teorias malucas ficaram enterradas no passado?
Não.
Olhando agora, uns dez anos depois, tudo se confirmou: as teorias estão incrustadas em nossa sociedade atual: na cultura, na música, nas novelas, nos games, no entretenimento, nos brinquedos das crianças, nos filmes e muito mais. Todos aceitam sem muito esforço as teorias e há até cristãos que aceitam de bom grado a conciliação entre as teorias da Nova Era e seu "pseudo-cristianismo teórico".
Já não eram teorias nos círculos da Nova Era. Mas no nosso meio era...
Mas atualmente não são mais teorias dentro da nossa realidade social e em nossa igrejas, até, infelizmente...
São realidades...

A Nova Era evoluiu e se uniu ao movimento socialista internacional e patrocinadas pelas grandes famílias ricas e a mídia mundial se tornou um movimento de grande força e influência direta na cultura das nações e famílias em todo o mundo.

Hoje a imagem subliminar imposta a todos através da influência da mídia é que todos os adeptos da Nova Era são pessoas da paz e amor, inteligentes, adeptos da natureza, tolerantes da diversidade, da esquerda democrática, etc; enquanto todos os que são opositores são retrógrados, conservadores, burros, cristãos radicais, hipócritas, intolerantes, preconceituosos, de direita fascista e gananciosos.

E, segundo os "novaerinos" ou os de 'aquário', a única forma de conter o avanço de tais 'conservadores' da era de 'peixes' é desmantelar a instituição família que tem uma força invencível de perpetuar a crença/cultura "judaico-cristã opressora".

DOCUMENTO DA IGREJA
Finalmente a Igreja Católica se expressou a respeito através de um importantíssimo documento exclusivo onde se uniram 3 grandes organismos da Igreja no Vaticano denunciando os males da Nova Era.

O Documento foi escrito com grande autoridade e competência por estes três órgãos da Igreja:


APRESENTAÇÃO DO DOCUMENTO
O Documento nos diz que a motivação pela busca das pessoas para a espiritualidade da Nova Era é a falta de cultivo da espiritualidade e mística cristã. Que muitas vezes nossas igrejas não focam no quesito místico e aprofundamento da vida de oração. O que leva as pessoas procurarem sanar esta sede intrínseca, colocada por Deus no coração humano, em outras religiões.

A Nova Era não tem nada de novo. Se trata de uma reforma moderna da antiga heresia gnóstica. O novo é a apresentação e implantação de forma estratégica bem planejada e subliminar, infiltrando-se em vários meios em todo o mundo, na política, na cultura, inclusive na religião.

O Cardeal Paul Poupard, na apresentação deste documento sobre a Nova Era disse claramente:  "O fenómeno da New Age, juntamente com muitos outros Movimentos religiosos, constitui um dos desafios mais urgentes para a fé cristã. Trata-se de um desafio religioso e, ao mesmo tempo, cultural:  a New Age propõe teorias e doutrinas sobre Deus, o homem e o mundo, que são incompatíveis com a fé cristã. Além disso, a New Age é o sintoma de uma cultura em profunda crise e, ao mesmo tempo, uma resposta errónea a esta situação de crise cultural:  às suas inquietações e interrogações, às suas aspirações e esperanças".

Ele ainda diz que este documento "trata-se do fruto de uma autêntica e longa colaboração interdicasterial, precisamente com vista a ajudar a responder "com docilidade e respeito", como já recomendava o Apóstolo Pedro (1 Pd 3, 15), a este desafio religioso e, ao mesmo tempo, cultural."

O Cardeal entre outras coisas denuncia: "...é digno de nota o facto de que, desde há muito tempo, existe muito interesse pelas religiões esotéricas nalguns círculos maçónicos que visam uma religião universal."

E continua: "O espírito desta nova religião universal é explicado mais claramente, de maneira muito popular, no "musical" Hair (1960) quando, ao público do mundo inteiro, se disse que "esta é a aurora da Era do Aquário", uma Era fundamentada sobre a harmonia, a compreensão e o amor. Em termos astrológicos, a Era dos Peixes foi identificada com o período em que o cristianismo teria predominado, mas esta Era, ao que parece, deveria terminar depressa, para dar lugar à Era do Aquário, quando o cristianismo perderia a sua influência, abrindo caminho para uma religião universal mais humana. Uma boa parte da moral tradicional deixaria de ter lugar na nova Era do Aquário. O modo de pensar das pessoas seria transformado completamente e já não existiriam as antigas divisões entre homens e mulheres." 

Nesta declaração de 3 de fevereiro de 2003 o Cardeal diz mais sobre o Documento: "O Documento que hoje vos é apresentado constitui uma resposta à necessidade sentida pelos Bispos e pelos fiéis em diversas regiões do mundo. Foram eles que pediram muitas vezes ajuda para responder melhor a este fenômeno, hoje omnipresente. O próprio título deste Documento esclarece, desde o começo, que o Aquário nunca poderá dar aquilo que Jesus Cristo pode oferecer." (...)
"Em última análise, este Documento é um ulterior fruto da atenção da Igreja pelo mundo. Ele nasce do dever que a Igreja tem de permanecer fiel à Boa Nova da vida, da morte e da ressurreição de Jesus Cristo, que oferece verdadeiramente a água da vida a todos aqueles que se aproximam dele com a mente e o coração abertos."

Aí entra a necessidade de conhecermos tal conteúdo e o divulgarmos de todas as formas criativas possíveis. O Cardeal conclui: "Foi necessário um longo período de tempo, antes que o Documento fosse divulgado. Todavia, faço votos a fim de que ele suscite reflexões entre os Bispos e nas comunidades católicas e cristãs de todos  os  tipos.  Se  ele  for  substituído por um texto melhor e de índole mais definitiva, significará que alcançou a sua  finalidade,  estimulando  quantos estão comprometidos na pastoral e as pessoas que trabalham com eles, a reflectir sobre este tema de maneira teológica. O Documento quer encorajar os seus leitores a fazerem o melhor que puderem para entender correctamente o fenómeno da New Age. E isto exige uma atitude aberta..."


SOBRE O DOCUMENTO

Gostaria de trazer aqui alguns pequenos trechos que para mim foram os mais marcantes. Uma seleção especial de tudo que selecionei do documento.

O Documento abre dizendo da importância do mesmo: "As reflexões seguintes pretendem ser um guia para os católicos emprenhados na pregação do Evangelho e do ensinamento da fé, em todos os níveis, no seio da Igreja. (...) É um convite à compreensão desta corrente cultural e ao empenhamento de um diálogo autêntico com todos os que são influenciados pelo seu pensamento. (...) pretende ser um convite a todos os cristãos para levarem à sério a Nova Era e, como tal, exige dos seus leitores que entrem num diálogo crítico com pessoas que seguem perspectivas muito diferentes para enfrentar a mesma realidade. (...) As pessoas precisam de informações confiáveis sobre as diferenças entre Cristianismo e Nova Era".

Sobre se é possível acreditar tanto em Jesus Cristo quanto na Nova Era o Documento diz: "... se trata numa situação na qual, ou se está de um lado, ou do outro. 'Nenhum servo pode servir a dois senhores; ou há de aborrecer um e amar o outro ou dedicar-se a um e desprezar o outro' (Lc 16,13). (...) Nunca se deve esquecer que muitos dos movimentos que alimentaram a Nova Era são explicitamente anticristãos."

Acho que tudo dito até aqui já é o suficiente para despertar o interesse e a importância do estudo de tal problemática na nossa atual cultura. Lembro que a Nova Era é só um dos ramos principais de um grande plano arquitetado para a destruição do Cristianismo e implantação de um tempo anticristão.

Que Deus nos dê inteligência, sabedoria e parresia para conhecer, denunciar e lutar contra os males que o inimigo de Deus tem disseminado em nossa sociedade.

E agora? Não dá mais para os 'cristãozinhos light' continuar sustentando que tudo não passa de uma teoria de conspiração... para justificar uma vida vazia dos fundamentos evangélicos...

Como diz o teólogo Karl Rahner "O cristão de amanhã será um místico, alguém que experimentou alguma coisa, ou não será nada"; ou o Monsenhor Padre Jonas Abib: "Ou santos ou nada!".

É irmão! Acho que o Apocalipse estava certo: 'ou quente ou frio, porque o morno...' (Ver Ap 3,15-16)

Infelizmente este documento não se encontra em português no site do Vaticano. Temos somente em Inglês e Espanhol.

Para quem quiser ler em português terá que adquirir o livro. Recomendo o livro publicado pela Editora Cléofas do Professor Felipe Aquino. Segue o link:

http://loja.cleofas.com.br/a-nova-era-jesus-cristo-portador-da-agua-viva.html


Recomendo também a leitura do discurso do Papa João Paulo II sobre a Nova Era para os bispos americanos em 1993 neste link:

http://www.universocatolico.com.br/index.php?/nova-era-o-papa-fala-sobre-a-nova-era.html

Deus nos abençoe! Shalom!



7 de mai de 2016

Introdução à Nova Ordem Mundial



Irmãos, terminei de ler este livro "Introdução à Nova Ordem Mundial" do Alexandre Costa publicado pela Vide Editorial e gostaria de escrever algo a respeito devido à grandiosidade desta obra.

Quero deixar claro a grande necessidade de toda pessoa e principalmente os cristãos adquirirem conhecimento a respeito da Nova Ordem Mundial, que não é uma teoria conspiratória, mas algo muito real, claramente alardeado e expresso pelas próprias autoridades mundiais e os principais protagonistas dos movimentos que o integram.

Se alguém pensa que é um livro no tema político somente, está muito enganado. Os planos abrangem todas as áreas que influenciam diretamente nossa vida (filosofia, religião, trabalho, saúde, conhecimento, família, financeiro, cultura geral, etc).

O conteúdo não é teórico, poderia dizer "jornalístico", visto que ele organiza uma grande bibliografia mundial densamente em poucas páginas e nos induz a busca, pesquisa para melhor conhecer e não ser manipulado. Você lerá não só palavras do autor, mas também, denúncias diretas de grandes personagens na história como o Presidente dos EUA John F Kennedy, várias autoridades do Reino Unido, EUA, ONU, ONGs, intelectuais, escritores e membros das grandes famílias.

O problema realmente começa quando você desmascara várias tentativas de manipulação do seu pensamento por estes planos globais. Estão manipulando o que você sabe, o que você pensa, o que você julga, a sua felicidade e até o que você crê.

É um grande desafio ao cristianismo, pois estes planos tem como maior inimigo a religião cristã. Tais planos tentam solapar e ridicularizar a pessoa de Jesus Cristo, toda a fé e moral cristã. Há um plano muito bem elaborado para difusão de todos os vícios destruindo o cristianismo por dentro. É um plano diabólico. Já que o diabo não conseguiu acabar com o cristianismo atacando-o frontalmente através de perseguição e martírio, pois a cada cristão assassinado, vários outros surgiam, ele elabora um plano novo, que é atacá-lo por dentro, minando e destruindo a fé.

A infiltração de tais planos dentro da Igreja é claro, visto o surgimento de uma teologia morna e infiel ao Sagrado Depósito da fé. Assim o diabo tenta destruir o cristianismo por dentro afim de implantar a Cultura da Nova Era, denunciada pelo Papa João Paulo II e a Igreja através do Documento "A Nova Era - Jesus Cristo, portador da Água da Vida", que é o meu próximo livro de leitura que já iniciei e posteriormente estarei comentando aqui.

Recomendo que o adquira e o estude, rabisque e repasse estas graves denúncias para que outras pessoas possam abrir os olhos e não se deixarem ser facilmente manipuladas.

O conhecimento desta temática é essencial, principalmente para os pregadores. Tenho falado para vários que deveríamos estar combatendo frontalmente esta Nova Ordem Mundial, ou Revolução Cultural, como queiram chamar. Temos pregado contra a promiscuidade geral da sociedade, contra os ataques à vida: o aborto, eutanásia, etc; temos pregado contra más interpretações da fé e das Escrituras, temos orado para que pessoas não se corrompam, se convertam verdadeiramente, saiam dos vícios, da prostituição, do adultério, da violência generalizada, etc. Mas o grande problema é que estamos tentando sanar somente os sintomas de uma grande doença que tem raízes muito mais profundas. Imagina você tentar combater uma úlcera tomando remédio para dor de cabeça, já que é um sintoma da úlcera. Pergunto: você vai ser curado da úlcera tomando remédio para dor de cabeça?
Não. Por isso digo que nossos problemas maiores são as raízes dos males e doenças da nossa sociedade. Quem está patrocinando a promiscuidade e pornografia? Quem são estes que estão tentando implantar uma ideologia goela abaixo para que aceitemos resignadamente o aborto, a violência, as drogas, a pedofilia, a prostituição, a destruição da família??? Quem investe massiçamente para que as mídias, novelas, músicas e outras expressões culturais patrocinem tais arbitrariedades? Quem manipula a mídia, as notícias?

Temos que pregar, orar, interceder, denunciar, gritar nos telhados, promover uma grande batalha espiritual contra os fundamentos desta grande doença em nossa sociedade. Chega de ficar sanando somente os sintomas! Temos que alcançar as raízes do problema e derrubar este império do mal, o golpe último de satanás para derrubar a religião cristã e levar todos a se renderem às seduções do mal. Ele veio para roubar, matar e destruir (João 10,10). Não é contra homens de carne e sangue que temos que lutar, mas contra as forças espirituais do mal espalhadas nos ares.(Efésios 6,12).

Acorda, irmão! Está na hora de promovermos grupos de estudo sobre esta temática e começarmos a combater verdadeiramente o bom combate! Se junte a outros! E se o preço for sermos os mártires dos novos tempos, que seja! Mas não seremos mornos e não nos calarão! Tentaremos abrir os olhos do máximo possível na ânsia de acima de tudo: salvar almas!

O livro não se basta por si só, como diz o título é apenas uma introdução. Te instiga a continuar estudando e aprofundando a respeito, mas a capacidade de te fazer introduzir, entrando no conhecimento desta temática é singular.

Você encontra este livro em todas as livrarias, mas coloco aqui o link da livraria que o publicou:

http://videeditorial.com.br/introducao-a-nova-ordem-mundial-2-edicao

Grande abraço! Deus te abençoe!



"Despojemo-nos das ações das trevas e vistamos as armas da Luz" Rm 13,12
CEFAS, oriundo do nome de São Pedro apóstolo, significa também um Acróstico: Comunhão para Evangelização, Formação e Anúncio do Senhor. É um humilde projeto de evangelização através da internet, buscando levar formação católica doutrinal e espiritual.