17 de nov de 2016

33 saudações a Nossa Senhora - 13ª saudação

Papa Pio XII definiu o dogma da Assunção de Nossa Senhora em corpo e alma ao céu, na Constituição Apostólica Munificentissimus Deus. Segundo este documento:
"5.(...) Por um privilégio inteiramente singular ela venceu o pecado com a sua concepção imaculada; e por esse motivo não foi sujeita à lei de permanecer na corrupção do sepulcro, nem teve de esperar a redenção do corpo até ao fim dos tempos. (...)
40. Deste modo, a augustíssima Mãe de Deus, associada a Jesus Cristo (...) sempre virgem, na sua maternidade divina, generosa companheira do divino Redentor que obteve triunfo completo sobre o pecado e suas conseqüências, alcançou por fim, como suprema coroa dos seus privilégios, que fosse preservada da corrupção do sepulcro, e que, à semelhança do seu divino Filho, vencida a morte, fosse levada em corpo e alma ao céu, onde refulge como Rainha à direita do seu Filho, Rei imortal dos séculos (cf. 1Tm 1,17). (...)"1.
Assim, saudemos a Bem-aventurada Virgem Maria:

"Eu Vos saúdo, Ó Santa Mãe de Deus! Vos louvo, Vos amo, Vos bendigo e Vos venero pela Vossa Gloriosa Assunção."2

Reza-se 1 Ave-Maria.

Notas

1.Pio XII, Constituição Apostólica Munificentissimus Deus (1 ° de novembro de 1950). Disponível em: http://w2.vatican.va/content/pius-xii/pt/apost_constitutions/documents/hf_p-xii_apc_19501101_munificentissimus-deus.html

2. Esta 13ª saudação faz parte da oração "33 saudações de amor e fé à Santíssima Virgem Maria".
3.Imagem " The Assumption JUAN CABEZALERO 1670"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Irmão, deixe uma mensagem!!!


"Despojemo-nos das ações das trevas e vistamos as armas da Luz" Rm 13,12