16 de nov de 2016

Aprendendo a orar como Jesus - 6

Jesus nos  ensinou que pedir perdão e o perdoar fazem parte da oração: "quando vos puserdes de pé para orar, perdoai, se tiverdes algum ressentimento contra alguém, para que também vosso Pai, que está nos céus, vos perdoe os vossos pecados."(São Marcos 11, 25). Assim, percebemos que a primeira atitude de quem vai orar é a de pedir perdão, de perdoar. "O pedido de perdão é o primeiro movimento da oração de súplica (cf. o publicano: "Tem piedade de mim, pecador": Lc 18,13). É a condição prévia de uma oração justa e pura. (...) O pedido de perdão é a condição prévia tanto "da liturgia eucarística, como da oração pessoal." (CIC 2631)1.

O perdão é importante porque dá "testemunho de que, em nosso mundo, o amor é mais forte que o pecado" (CIC 2844)2. "E o próprio Senhor nos ensinou a rezar: «Perdoai-nos as nossas ofensas» (Lc 11, 4 ), relacionando o perdão mútuo das nossas ofensas com o perdão que Deus concederá aos nossos pecados.(CIC 1425)3.

É o perdão que possibilita a conversão do coração. Jesus insiste nessa conversão do coração "desde o sermão da montanha: a reconciliação com o irmão antes de apresentar a oferta no altar (Mt 5, 23-24); o amor dos inimigos e a oração pelos perseguidores (Mt 5, 44-45) (...) perdoar do fundo do coração na oração (Mt 6, 14-15)"(CIC 2608)1. "O coração, assim decidido a converter-se, aprende a orar na fé." (CIC 2609)1.

Nota

1. Catecismo da Igreja Católica, parágrafos 2608, 2609, 2631. Disponível em: http://www.vatican.va/archive/cathechism_po/index_new/p4s1cap1_2566-2649_po.html
2. Catecismo da Igreja Católica, parágrafo 2844. Disponível em: http://www.vatican.va/archive/cathechism_po/index_new/p4s2_2759-2865_po.html
3. Catecismo da Igreja Católica, parágrafo 1425. Disponível em: http://www.vatican.va/archive/cathechism_po/index_new/p2s2cap1_1420-1532_po.html

5 < > 7



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Irmão, deixe uma mensagem!!!


"Despojemo-nos das ações das trevas e vistamos as armas da Luz" Rm 13,12